Ronaldo reconhece a existência de dívidas e diz ser conseqüência dos governos passados

O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.

Em resposta ao vereador Roberto Tourinho que pede explicações ao governo municipal de Feira sobre a dívida consolidada de mais de 130 milhões de reais. O prefeito José Ronaldo reconhece a sua existência, mas diz terem sido elas contraídas pelos governos passados. E que já adotou as providências necessárias para que se proceda um levantamento criterioso sobre o débito existente no município, incluindo os que já foram pagos durante as suas gestões.

O chefe do executivo feirense esclarece que durante as suas duas administrações não foram contraídos nenhum tipo de débito, exceto no tocante ao empréstimo contraído junto à Corporação Andina de Fomento (CAF). No qual firmou contrato na ordem de US$ 11.737.000,00 (onze milhões e setecentos e trinta e sete mil dólares). Operação de crédito externo contraído pela Prefeitura Municipal de Feira de Santana, tendo como finalidade a construção dos cinco viadutos. Entretanto admite que a existência das dívidas são oriundas dos governos anteriores que não honraram os pagamentos de PIS, PASEP, FGTS, INSS e Previdência Municipal.

Ele garante que no seu governo todas as dívidas foram renegociadas e tiveram as suas respectivas parcelas pagas. E que a sua administração não compromete, em nenhum momento, a saúde financeira do município. Quanto a administração de seu sucessor (Tarcízio Pimenta), ele terá o compromisso de efetuar o pagamento dos juros do empréstimo, isto se dará nos três primeiros anos de sua administração . Quanto ao início do pagamento das parcelas da dívida, esta só ocorrerá efetivamente no seu último ano governo. A dívida se estenderá por 10 anos.

Diferente de governos passados, o governo de Ronaldo encerra-se com grande conjunto de obras a serem inauguradas no próximo dia 20 de dezembro. O pagamento dos fornecedores, a folha de pagamento dos funcionários incluindo o 13º salário e a limpeza pública do município estão em ordem. O Saldo da administração de Ronaldo fecha-se de forma positiva com a eleição do seu sucessor no primeiro turno em Feira de Santana. As críticas quanto à gestão financeira de José Ronaldo parecem não encontrar eco, ressonância na sociedade feirense, diante do vasto número de obras do atual governo.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]