Advogado de Dantas diz que pediu ao TRF reexame de sentença do juiz De Sanctis

O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.

São Paulo – O advogado Nélio Machado, que defende o banqueiro Daniel Dantas, disse na noite de hoje (02/12/2008) em São Paulo, que a pena imposta pelo juiz federal Fausto De Sanctis ao seu cliente é “completamente despropositada” e que já recorreu da sentença ao Tribunal Regional Federal (TRF) da 3ª Região com um recurso de apelação, pedindo o reexame integral da causa em todos os seus aspectos.

“Se a gente olhar o Código Penal, a pena de um estuprador ou de um homicida é menor do que a pena que ele [o juiz] aplicou para alguém que não cometeu crime nenhum”, disse o advogado numa entrevista à imprensa.

O banqueiro Daniel Dantas, dono do Opportunity, foi condenado pelo juiz Fausto De Sanctis, da 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo, a dez anos de prisão e multa de mais de R$ 1,4 milhão por corrupção ativa. Dantas é acusado de tentar subornar um delegado da Polícia Federal para ter seu nome excluído das investigações da Operação Satiagraha, da Polícia Federal (PF).

Foram condenados ainda o consultor Hugo Chicaroni e o assessor de Dantas, Humberto Braz, ambos a sete anos de prisão, por terem cumprido o papel de intermediários na oferta de suborno.

Eles teriam oferecido ao delegado da PF Victor Hugo Rodrigues Alves US$ 1 milhão para excluir o nome de Dantas da investigação. Braz também foi multado em R$ 877 mil e Chicaroni, em R$ 292 mil. Todos os condenados podem recorrer da decisão em liberdade, uma vez que o juiz não expediu mandado de prisão contra eles.

Segundo Nélio Machado, seu cliente é inocente e está sendo vítima de uma “perseguição política”. “Não estou diante de um caso normal”, disse ele, que voltou a criticar o juiz Fausto De Sanctis, afirmando que ele não teria a isenção suficiente para julgar o caso.

Nélio Machado acredita que seu Daniel Dantas será absolvido nas instâncias superiores. “Se não mudar [a sentença], acabou o Estado democrático de direito”.

O advogado também afirmou que deve entrar com novas medidas judiciais contra os juízes Fausto De Sanctis e Ali Mazloum, que lhe negaram acesso ao inquérito em que investiga o vazamento de informações sigilosas da Operação Satiagraha.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]