Pesquisador encontra primeiro Cemitério da Vila de Santo Estevam do Jacuhype

O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.

Apaixonado pela história de Santo Estevão, logo que soube que o prefeito Orlando Santiago havia autorizado as obras de reforma da Praça da Bandeira onde se encontra a Igreja Matriz, local de formação da comunidade que originou o município de Santo Estevão, o pesquisador Francisco Anísio Costa Pinto visitou o canteiro de obras e avisou aos trabalhadores. “– Se encontrarem qualquer osso humano me chame”. Não deu outra. Na tarde de (20/11/2008), foram localizados os primeiros pedaços de ossos humanos. Logo a seguir sendo encontradas ossadas dispostas em covas.

Estava comprovado o boato que passou de geração em geração que dava conta de que ao lado da Capela havia sido construído o primeiro Cemitério da Vila, onde se acham sepultados os colonizadores, índios e escravos que habitaram Santo Estevão no Século XVI, a partir de 1751. Esquecido e abandonado ao longo de mais de duzentos anos, nada foi feito para preservar a sua história.

Um novo Município – Logo que se formou e passou a ser a sede da comunidade que nasceu no riacho Salgado através do padre José da Costa Almeida, a Vila de Santo Estevam do Jacuhype, atual município de SANTO ESTEVÃO (desmembrado de Cachoeira), segue uma trajetória de crescimento e desenvolvimento, passando a ser um pólo comercial que abriga os municípios de Ipecaetá, Rafael Jambeiro e Antonio Cardoso.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]