O Seu Sucesso

Antônio Alberto de Oliveira Peixoto.Antônio Alberto de Oliveira Peixoto.

O seu sucesso só depende de você. Ele é fruto de um trabalho perseverante, desenvolvido na busca de um resultado feliz, auspicioso. O seu sucesso é individual e do tamanho da pertinácia ou firmeza que o fez buscá-lo. Erga o peito, levante a cabeça e vá à luta – ou continue na luta. Não permaneça dentro de um nicho, esperando que os fatos aconteçam ou caiam do céu em seu colo – na sua vida.

Para você ser um sucesso, não pode e nem deve perder um segundo sequer, pensando nos seus inimigos, nem no que eles pensam de você. Esqueça-os, porque sempre que sintonizá-los, preocupando-se com a idéia que eles têm formado sobre você, estará criando em torno de seu corpo, um campo magnético produzido por energias negativas, que vão atrair condições contraproducentes, exprimindo e atraindo posições contrárias, restringindo e ofuscando situações positivas ou favoráveis.

Se você teve uma infância pobre, sofrida; se teve dissabores, seja na vida profissional, amorosa ou em família: esqueça isso, que já é passado e o passado, pertence ao “passado”. Agora você está vivendo o presente e com olhos no futuro. É isso o que importa. O presente – que é o que você está vivendo – e o futuro, que sempre chega com o amanhecer de cada dia, sempre traz com o “sol nascente”, uma nova perspectiva de vida e de sucesso para todos nós, filhos de Deus – e ELE está sempre conosco!

Não tenha receio de se lançar em busca de algo novo, por medo de fracassar, porque, segundo um grande vendedor de computadores, um fracasso bem dirigido, revela-se muito mais proveitoso do que um êxito, rapidamente esquecido. O fracasso o ajuda a descobrir onde estão os seus pontos fracos, seus erros e a direção que você deve seguir, fazendo com que lá na frente você encontre o sucesso tão almejado, tão sonhado.

Não se atenha “muito” à beleza física, condição financeira, status social… Essas coisas, em certos momentos, são dispensáveis. O essencial é a beleza interior, o seu conteúdo – o espiritual. O talento adormecido, que reside dentro de todos nós, sem exceções, é você saber conjugar, firmemente, o verbo querer, poder e fazer no indicativo presente, no futuro do presente e do pretérito. Que me desculpe Vinicius de Moraes, “mas beleza nem sempre é fundamental”.

Demmi Moore – segundo o doutor Lauro Trevisan – tinha medo de seguir a carreira de atriz, por se achar feia – imagine! – acontecimento semelhante, ocorreu com a tão consagrada Barbra Streisand, que teve dificuldades em ingressar no mundo artístico, porque sua mãe – que sustentava a família, lavando roupas (um trabalho digno) – não permitia que ela fizesse o teste para pleitear uma vaga como bailarina de uma companhia, porque a achava feia, desengonçada e sem talento.

Para você ser um sucesso, tem que matar um leão por dia – ser bom todos os dias, sempre – não pode vacilar. Ter auto-aceitação, auto-estima elevada, orgulho de si e de suas raízes, independente da cor da pele, dos olhos ou dos cabelos, de sua raça e suas origens.
Para ter sucesso, tem que ser perseverante. Cafu – jogador de futebol – fez diversos testes nas principais agremiações futebolísticas brasileiras, sem ter êxito, por fim, a equipe do São Paulo o contratou, e por ser ele um militante inveterado, chegou à Seleção Brasileira, disputando quatro Copas do Mundo, saindo vitorioso em duas.

Madre Tereza de Calcutá, só tinha três centavos e queria construir um orfanato. Seus superiores, então, lhe disseram que com três centavos, não seria possível construir um orfanato e ela respondeu: “com três centavos mais a ajuda de Deus, construirei um orfanato”. Sim, Deus ajuda, mas também disse: “faz a tua parte que eu te ajudarei”. Cabe a você fazer a sua parte. Nada, simplesmente por acaso, cai do céu.

Fomos criados à imagem e semelhança de Deus; fomos criados para o sucesso. Plante a semente do “seu sucesso”. Como diz o provérbio: “só é preciso de uma semente para gerar uma macieira, mas uma macieira pode gerar diversos frutos com suas sementes, que gerarão milhares de macieiras”. Assim, também poderá ser o seu “resultado feliz” se você acreditar em você e plantar a semente do seu sucesso. Plante, em sua vida, “arvores” frutíferas, árvores que produzam, pois os frutos delas serão o que lhe dará sucesso. Acredite em você, acredite que o seu sucesso é possível, dê uma chance a você mesmo e seja um homem – ou mulher – de sucesso. Acredite e tenha muita fé.

Alberto Peixoto
www.albertopeixoto.com.br
[email protected]

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Alberto Peixoto
Antonio Alberto de Oliveira Peixoto, nasceu em Feira de Santana, em 3 de setembro de 1950, é Bacharel em Administração de Empresas pela UNIFACS, e funcionário público lotado na Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia, atua como articulista do Jornal Grande Bahia, escrevendo semanalmente, é escritor e tem entre as obras publicadas os livros de contos: 'Estórias que Deus Duvida', 'O Enterro da Sogra, 'Único Espermatozoide', 'Dasdores a Difícil Vida Fácil', participou da coletânea 'Bahia de Todos em Contos', Vol. III, através da editora Òmnira. Também atua incentivador da cultura nordestina, sendo conselheiro da Fundação Òmnira de Assistência Cultural e Comunitária, realizando atividades em favor de comunidades carentes de Salvador, Feira de Santana e Santo Antonio de Jesus. É Membro da Academia de Letras do Recôncavo (ALER), ocupando a cadeira de número 26. E-mail para contato: [email protected] Saiba mais sobre o autor visitando o endereço eletrônico http://www.albertopeixoto.com.br.