Crise política pode afastar Jaques Wagner do PMDB | Por Sergio Jones

Sérgio Antônio Costa Jones é jornalista e colaborador do Jornal Grande Bahia.Sérgio Antônio Costa Jones é jornalista e colaborador do Jornal Grande Bahia.

O acirramento e a baixaria que se instalou no campo político em Salvador contribui, de forma efetiva, para o aprofundamento da crise entre peemedebistas e petistas. Seus estragos já se fazem sentir a ponto do governador Jaques Wagner (PT) ter manifestado publicamente, a sua forte disposição de não contar com o apoio do PMDB nas eleições de 2010. Esta atitude, por parte do governador, é vista como conseqüência do procedimento indigno dos candidatos a prefeito durante o segundo turno eleitoral que, já começam a provocar os seus efeitos nefastos.

O candidato Walter Pinheiro (PT), transgride pela falta de qualidade em seus discursos e se perde em ataques que em nada contribui para mudar de forma efetiva a realidade dos segmentos menos favorecidos da sociedade. A recíproca é verdadeira, da parte do candidato João Henrique (PMDB), este se apóia em promessas que dificilmente se realizarão. Enquanto este circo midiático acontece nas telinhas, o povo continua na vã esperança de que algo realmente aconteça com perspectivas reais de mudanças que venham a contribuir para amenizar as necessidades da grande parcela da população soteropolitana. O grande questionamento neste circo de horrores é: será que eles merecem o seu voto?

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]