Presidente da Conder garante conclusão da reforma da sede do Sinjorba até final do ano

A presidente da Conder, Maria del Carmen, prometeu concluir a reforma da sede da Sinjorba.A presidente da Conder, Maria del Carmen, prometeu concluir a reforma da sede da Sinjorba.
A presidente da Conder, Maria del Carmen, prometeu concluir a reforma da sede da Sinjorba.

A presidente da Conder, Maria del Carmen, prometeu concluir a reforma da sede da Sinjorba.

A presidente da Conder, Maria del Carmen, prometeu, hoje (21/08/2007), à diretoria do Sinjorba concluir, até o final de 2007, a reforma da sede da entidade. De imediato ela garantiu para os próximos dias fazer toda parte elétrica e hidráulica da casa. Os demais serviços – pintura, troca de parte do piso e enceramento, troca de esquadrias etc – serão feitos mês a mês, até dezembro.

Del Carmen recebeu uma comissão da diretoria do Sindicato, em audiência, no início da noite de ontem (segunda). Estavam presentes a presidente do Sinjorba, Kardé Mourão, além dos diretores Hélio Silva, Edson Miranda, Raymundo Alves e Moacy Neves. Pela Conder, além da presidente, estavam a sua assessora de imprensa, Suza Machado; o técnico responsável pela fiscalização das obras, Enoque Ferreira Filho; e o chefe da administração da empresa, Jorge Lessa.

Na audiência, Maria Del Carmen explicou que não há recursos suficientes para fazer todo o serviço de uma única vez. Segundo ela, são muitos pedidos feitos à Conder na área do Centro Histórico, por isso a demora em concluir as obras. Mas deu sua palavra que até dezembro resolverá todas as pendências.

A expectativa da direção do Sindicato é que agora a reforma seja concluída e possamos oferecer melhores condições de trabalho para os diretores e os funcionários do Sinjorba, além de um ambiente confortável e limpo para receber os jornalistas e nossos visitantes.

A novela

A reforma da sede do Sinjorba no Pelorinho foi solicitada ainda em 2005. De lá para cá, a entidade enfrentou toda a burocracia para que as obras tivessem início. O problema começa no fato do prédio ser tombado, o que limita muito a ação da diretoria, que não pode fazer qualquer serviço, sequer de manutenção. Toda intervenção no prédio precisa ser autorizada pelo IPAC, que solicita à Conder sua execução.

A obra andava bem até outubro de 2006. Foi trocado o teto, o forro e feito o tratamento das paredes. A entrada havia sido reformada e parte do madeiramento do piso também. Mas veio a eleição e tão logo o resultado das urnas foi divulgado as obras pararam e não foram mais retomadas. Em janeiro passado, Kardé Mourão e Marjorie Moura estiveram com Maria Del Carmen, que prometeu resolver a situação. Depois, vários contatos foram feitos com o IPAC, sem solução.

Para se ter uma idéia, a diretoria anterior do Sinjorba conseguiu um apoio de uma construtora para fazer os serviços, mas não foi possível levar à frente por conta das dificuldades legais de encaminhamento. Aliás, na audiência, a própria Maria Del Carmen disse ser muito difícil, mesmo com um projeto bem elaborado, conseguir autorização para intervenções no prédio feitas por particulares.

Maria Del Carmen, presidente da CONDER.

Maria Del Carmen, presidente da CONDER.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]