Pesquisador da Embrapa ministra palestra sobre a cultura da mandioca

Logomarca do Jornal Grande BahiaLogomarca do Jornal Grande Bahia

O pesquisador Joselito da Silva Motta, da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical (Cruz das Almas – BA), Unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, ministra, nesta quinta-feira, 23 de agosto de 2016, às 9h, uma palestra na Assembléia Legislativa do Estado de Sergipe.

Realizado a convite do deputado Valmir Monteiro, o evento pretende estimular o desenvolvimento da cultura da mandioca em Sergipe. Com o tema “Mandioca, a raiz do Brasil: uma riqueza ainda muito pouco conhecida”, a palestra vai abordar a cadeia produtiva da mandioca e seus usos múltiplos para fins industriais e alimentícios. “Seus usos ainda passam a ser vistos com muita surpresa, passando por métodos rudimentares de aproveitamento a usos industriais sofisticados, ampliando a cada dia a complexidade de sua cadeia produtiva. A mandioca, por exemplo, pode servir de base para a produção de álcool”, explica Joselito.

Rede de pesquisa
Recentemente, a Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical e a Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju – SE) lançaram as variedades de mandioca Jarina e Poti Branca. Indicados principalmente para cultivo nas condições do Centro-Sul do Estado de Sergipe, os híbridos visam ao processamento industrial das raízes para obtenção de farinha, fécula e seus derivados.

A Jarina e a Poti Branca são provenientes do Projeto de Melhoramento de Mandioca para Biofortificação e para a Indústria de Farinha e Fécula, liderado por Wania Wukuda, pesquisadora da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, e foram avalizadas pela Rede de Validação de Cultivares de Mandioca para o Nordeste, liderada pelo pesquisador Hélio Wilson de Carvalho, pesquisador da Embrapa Tabuleiros Costeiros.

Cultivada em todos os estados brasileiros, a mandioca (Manihot esculenta Crantz)
tem fácil adaptação, situando-se entre os nove primeiros produtos agrícolas do país, em termos de área cultivada, e o sexto em valor de produção.
A Unidade da Embrapa localizada em Cruz das Almas mantém a maior coleção de germoplasma de mandioca dos trópicos, com 2.012 variedades mantidas no campo.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]