Detectado mais um ato de irregularidade financeira na administração do governo Paulo Souto

Logomarca do Jornal Grande Bahia.Logomarca do Jornal Grande Bahia.

Descoberto mais um escândalo de superfaturamento no governo de Paulo Souto, desta vez quem está na berlinda é o debilitado sistema de educação do Estado da Bahia. A Auditoria Geral do Estado (AGE) está investigando a compra de carteira escolar realizada entre os anos de 2005 e 2006. Durante os referidos anos, a Secretaria de Educação do Estado (SEC) investiu R$ 11,3 milhões na compra de 135.786 carteiras escolares, a um custo unitário de R$ 80 (2005) e R$ 88 (2006). Este ano, o mesmo equipamento foi comprado por apenas R$ 37,71. O que ficou evidenciado é que o valor empregado pela SEC, na gestão anterior, dava pra comprar 300 mil carteiras. /

Segundo constatou a auditora-geral do Estado, Mírian Freitas, é de que existe forte indícios de irregularidades na compra das carteiras entre 2005 e 2006. “A auditoria não foi concluída, mas já é possível afirmar que há muitas evidências de irregularidades no convênio, cujo custo é altíssimo”, garante. A auditora afirma ainda, que entre os referidos anos – período que está sendo auditado –, a SEC repassou para a OAF R$ 25 milhões através de convênios, ou seja, com dispensa de licitação, para compra de cadeiras universitárias, conjuntos de mobiliário do professor, impressos usados nas escolas, camisas e bandeiras.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]