Vereador solicita isenção de taxas para taxistas de Feira de Santana

Edvaldo Lima: os taxistas de Feira de Santana estão pedindo pelo amor de Deus que as autoridades constituídas façam alguma coisa.

Edvaldo Lima: os taxistas de Feira de Santana estão pedindo pelo amor de Deus que as autoridades constituídas façam alguma coisa.

“A minha preocupação é a preocupação de Vossas Excelências, tenho certeza, os taxistas de Feira de Santana estão pedindo pelo amor de Deus que as autoridades constituídas façam alguma coisa”, disse o vereador Edvaldo Lima (PP) ao iniciar seu pronunciamento na sessão ordinária desta terça-feira (10/09/2019), na Câmara Municipal de Feira de Santana.

O parlamentar explicou que os taxistas estão passando por uma grave crise no setor, devido à concorrência com os motoristas de aplicativos, que não têm a atividade regulamentada e não pagam taxas municipais ou estaduais para atuarem na cidade.

Ele informou que protocolou um ofício junto ao Governo do Estado pedindo a isenção da taxa anual de aferição do taxímetro.  E acrescentou que tratou do assunto em uma reunião com o secretário da Fazenda do Estado, Manoel Vitório, e o deputado estadual Samuel Júnior.

Edvaldo comunicou que também deu entrada em um ofício junto a Prefeitura solicitando a isenção das taxas municipais. “Me chama atenção, tantos outros transportes de passageiros que rodam na cidade e estão isentos destas taxas”, comparou. E completou que a Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) já convocou para vistoria anual da frota de táxis.

Ele finalizou afirmando que vai elaborar um Projeto de Lei solicitando a isenção das taxas cobradas aos taxistas. “Quem passa o dia todo no ponto, muitas vezes sem fazer uma corrida, não tem condição de pagar estas taxas”, analisou.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]