Madre de Deus completa um ano sem registro de homicídio

Índices de segurança pública do Município de Madre de Deus apresentam substantiva melhora.

Índices de segurança pública do Município de Madre de Deus apresentam substantiva melhora.

O município de Madre de Deus, distante 63 km de Salvador, completou às 0 horas desta segunda-feira (12/08/2019), um ano sem registro de crimes contra a vida (homicídio, latrocínio e lesão dolosa seguida de morte). Ações integradas das polícias Civil e Militar são desenvolvidas diariamente na região, conhecida pelo potencial turístico e também por ser polo petrolífero.

O trabalho de inteligência desenvolvido pela 17ª Delegacia Territorial (DT/Madre de Deus) teve como principal foco o combate ao tráfico de drogas. “Mapeamos os criminosos que agiam vendendo entorpecentes e passamos a desenvolver ações para prendê-los. Aqueles que não foram capturados, fugiram da região”, comentou a titular da 17ª DT, delegada Marcele Guerra.

Intensificação do patrulhamento ostensivo foi o destaque do tenente São Pedro, comandante do 3º Pelotão da 10ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Candeias), para o período sem mortes em Madre de Deus. “A Operação Alvorada, por exemplo, é uma ação promovida nas primeiras horas do dia, ampliando a sensação de segurança”, completou o oficial.

O secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, por sua vez, parabenizou as equipes das polícias Civil e Militar e toda a população pelo apoio dado. “As forças de segurança não conseguem estar presentes, ao mesmo tempo, em todos os cantos. Promover a cultura da não violência dentro de casa, nas escolas e através de ações sociais são também responsáveis por esse excelente desempenho”, afirmou.

*Com informações da Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP Bahia).

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]