Senador Rogério Carvalho observa crime continuado na atuação do ministro Sérgio Moro e de Deltan Dallagnol procurador da República

Rogério Carvalho (PT-SE), senador da República, diz que Sérgio Moro e membros da organização cometem crime continuado.

Rogério Carvalho (PT-SE), senador da República, diz que Sérgio Moro e membros da organização cometem crime continuado.

Rogério Carvalho (PT-SE), senador da República, diz que os relatos apresentados pelo The Intercept Brasil, Jornal Folha de São Paulo e Revista Veja são sérios e que algumas pessoas e instituições não perceberam, “não dão conta”, de como essa organização formada por Sérgio Moro, ex-juiz federal e atual ministro da Justiça e Segurança Pública do Governo Bolsonaro; Deltan Dallagnol, procurador da República e chefe da força-tarefa do Caso Lava Jato e outros membros do Ministério Público Federal agiram e agem criminosamente.

“Sérgio Moro continua cometendo crime, agora, disfarçado, investigado o jornalista que apresenta relatos e documentos sobre as práticas criminais que ele próprio cometeu”, disse o parlamentar, lembrando que há evidente violação do princípio constitucional da Liberdade de Imprensa.

As declarações do senador Rogério Carvalho foram proferidas em audiência realizada nesta quinta-feira (11/07/2019) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado Federal, o jornalista Glenn Greenwald, diretor do site The Intercept Brasil, requisitada pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

Confira vídeo

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518), Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado da Bahia (SINJORBA), Associação Brasileira de Imprensa (ABI Nacional, Matrícula nº E-002907) e Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).