Neymar é cortado da Seleção Brasileira de Futebol para Copa América por lesão

Neymar Jr. está desconvocado da Seleção Brasileira.

Neymar Jr. está desconvocado da Seleção Brasileira.

O atacante Neymar foi cortado da seleção brasileira para a disputa da Copa América que será realizada no Brasil entre junho e julho devido a um lesão no tornozelo direito sofrida em amistoso com o Catar na noite de quarta-feira em Brasília, informou a Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

O jogador deixou o campo com dores no tornozelo direito após uma torção ainda no primeiro tempo da partida vencida pelo Brasil por 2 x 0, e exames de imagem confirmam uma ruptura ligamentar, disse a CBF em comunicado publicado no site da entidade na madrugada desta quinta-feira (05/06/2019)..

“Devido à gravidade da lesão, Neymar não terá condições físicas e tempo de recuperação suficiente para participar da Copa América Brasil 2019”, disse a CBF, acrescentando que o técnico Tite vai definir um substituto para o jogador a partir desta quinta-feira.

A partida contra o Catar foi a primeira a ser disputada por Neymar depois que o jogador foi alvo de uma acusação de estupro revelada no fim de semana, e o atacante chegou a dizer nas redes sociais antes do amistoso que seria “uma das partidas mais difíceis da minha carreira, se não for a mais (pelas circunstâncias)”.

Neymar é acusado por uma mulher brasileira de tê-la estuprado em um hotel de Paris, para onde ela foi para encontrar o jogador depois de ter as despesas com passagem e hospedagem pagas por ele, de acordo com boletim de ocorrência feito pela suposta vítima.

O jogador nega as acusações e afirma que é alvo de uma armadilha. Ele disse que a relação sexual foi consentida e divulgou troca de mensagens que teve com a suposta vítima, incluindo fotos íntimas encaminhadas por ela. A divulgação das imagens gerou uma segunda investigação contra o atleta.

Antes da partida em Brasília, Neymar recebeu o apoio público do presidente Jair Bolsonaro, que disse acreditar no jogador, e depois do jogo Bolsonaro foi até um hospital da capital federal onde Neymar estava recebendo atendimento médico devido à lesão para cumprimentá-lo.

Bolsonaro publicou nas redes sociais uma foto abraçado a Neymar, acompanhada de uma mensagem desejando uma “boa e rápida recuperação”.

*Com informações de Pedro Fonseca, da Agência Reuters.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518), Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado da Bahia (SINJORBA), Associação Brasileira de Imprensa (ABI Nacional, Matrícula nº E-002907) e Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).