“Sob a liderança do governador Rui Costa, a Bahia se diferencia por associar o equilíbrio fiscal aos investimentos necessários para a retomada da atividade econômica”, diz Manoel Vitório secretário estadual

Manoel Vitório, secretário da Fazenda da Bahia.

Manoel Vitório: Bahia lidera investimentos para estimular economia.

Destaque em relatório do Tesouro Nacional como o Estado com maior porcentagem do orçamento destinada a investimentos nos dois primeiros meses de 2019, a Bahia mantém o desempenho dos últimos anos, quando se firmou entre os líderes do país neste quesito, avalia o secretário da Fazenda do Estado, Manoel Vitório. Ele ressalta que a ênfase nos gastos em obras e serviços que atendem a demandas estratégicas da sociedade tem caracterizado o atual modelo de gestão.

“Sob a liderança do governador Rui Costa, a Bahia se diferencia por associar o equilíbrio fiscal aos investimentos necessários para a retomada da atividade econômica”, ressalta Vitório. De acordo com o jornal Valor Econômico, ao repercutir o Relatório Resumido de Execução Orçamentária (RREO) com foco nos Estados, divulgado pelo Tesouro Nacional, a Bahia destinou para investimentos, no primeiro bimestre, 4% do orçamento.

Manoel Vitório enfatiza que o governo baiano vai continuar buscando o controle dos gastos públicos e o crescimento das receitas próprias para assegurar a capacidade de investimento. “O gasto com investimento qualifica a infraestrutura, amplia os serviços, atrai investidores privados, gera emprego e renda e estimula a economia”, afirma o secretário da Fazenda. Ele lembra que entre 2015 e 2018 o governo baiano destinou R$ 10,3 bilhões para investimentos. Trata-se de valor proporcionalmente maior que o alcançado por São Paulo, estado mais rico do país e líder nacional nos últimos quatro anos: o governo paulista, tendo investido R$ 31,9 bilhões no mesmo período, possui orçamento cinco vezes maior que o baiano.

Principais investimentos

Entre os principais investimentos em infraestrutura estão os novos corredores estruturantes em Salvador, como a recém-inaugurada Avenida 29 de Março, a Via Barradão e a nova etapa da Linha Azul, que faz a ligação entre as avenidas Pinto de Aguiar e Gal Costa, além da expansão do metrô e das obras nas encostas da capital. No interior, o governo vem investindo na construção e na recuperação de estradas em todo o Estado e na implantação de obras de segurança hídrica, como barragens, que minimizam os efeitos da seca.

As entregas nos últimos anos incluíram, na área de saúde, o HGE 2 e o Hospital da Mulher, em Salvador, e ainda os hospitais do Cacau, em Ilhéus, e da Chapada, em Seabra, além da Maternidade do Hospital da Criança, em Feira, e das policlínicas regionais em Feira de Santana, Jequié, Irecê, Alagoinhas, Guanambi, Teixeira de Freitas, além da ampliação do número de leitos nas redes direta e indireta. Outras nove policlínicas estão em fase de construção.

Em segurança pública são destaques a implantação do Centro de Operações e Inteligência 2 de Julho, referência no setor no país, e ainda de 31 Distritos Integrados de Segurança (Diseps) e de 10 Centros Integrados de Comunicações (Cicons) no interior. Além da modernização das polícias baianas, os investimentos na área de segurança contemplaram ainda a renovação da frota

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]