Vereador aborda time Fluminense de Feira de Santana, Centro de Abastecimento e Lagoa Grande

João dos Santos (João Bililiu): quero deixar meu voto de tristeza em prol da direção do Fluminense de Feira, clube o qual sou apaixonado.

João dos Santos (João Bililiu): quero deixar meu voto de tristeza em prol da direção do Fluminense de Feira, clube o qual sou apaixonado.

Na sessão ordinária desta quarta-feira (13/03/2019), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o edil João dos Santos (João Bililiu, PPS) externou sua tristeza em relação ao Fluminense de Feira, denunciou a cobrança de entrada e saída de veículos no Centro de Abastecimento e pediu paciência aos moradores nos entornos da Lagoa Grande.

“Quero deixar meu voto de tristeza em prol da direção do Fluminense de Feira, clube o qual sou apaixonado. Esse time, em minha opinião, é o símbolo mais precioso depois da bandeira de Feira. Na qualidade de torcedor fiquei triste, pois foi uma das piores equipes e tem um culpado: quem não soube articular as peças adequadas. Têm jogadores amadores que rendem mais do que aqueles que ali estão, não querendo generalizar. Quero dizer que o goleiro é um jogador que promete muito”, pontuou Bililiu.

Cobrança

Ainda no uso da tribuna, Bililiu informou que tem uma associação realizando a cobrança de entrada e saída de veículos no Centro de Abastecimento. Para tanto, o edil pediu que o líder do Governo, vereador Marcos Lima (PR) e o secretário de Desenvolvimento Econômico, Antônio Carlos Borges Júnior, averiguem a informação e adote as medidas cabíveis.

“Existe uma associação no Centro de Abastecimento que faz cobrança de entrada e saída de veículos no local. Gostaria de pedir ao líder e ao secretário Borges Júnior que fossem verificar essa informação, que vejam mais de perto o que está acontecendo no local. É preciso que o secretário busque saber até onde vai essa cobrança e a maneira como ela é efetuada. Muitos feirantes estão reclamando da atitude”, pediu.

Em aparte, o líder governista afirmou que atenderá ao pedido do colega. “Vamos até o secretário saber o que está acontecendo. Se Vossa Excelência trouxe essa informação, ela será averiguada e se for verdade, o secretário tomará as devidas providências, conversarei pessoalmente com ele”, garantiu.

Lagoa grande

Para finalizar, o edil pediu paciência para os moradores do entorno da Lagoa Grande, visto que não há previsão para conclusão da obra. “O deputado que era líder do Governo, Zé Neto, foi embora, e agora? Ele me disse que destinaria R$ 5 milhões de emenda para a conclusão da obra. Mas, é bom lembrar que já foram gastos mais de R$ 90 milhões e até hoje obra não foi concluída e não será com R$ 5 milhões que ela concluirá. Portanto, peço aos moradores daquele local que tenham paciência”, findou.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]