Praia do Povoado de Garapuá, o paraíso perdido na Ilha de Tinharé, em Cairu

Vista da praia do Povoado de Garapuá, na Ilha de Tinharé, no Município de Cairu.

Vista da praia do Povoado de Garapuá, na Ilha de Tinharé, no Município de Cairu.

A praia do Povoado de Garapuá é um dos locais onde as pessoas podem apreciar a natureza em estado primitivo, em um ‘retorno ao paraíso perfeito’. Pouco habitado e explorado, o povoado fica localizado na Ilha de Tinharé, no município de Cairu, vizinho ao conhecido povoado de Morro de São Paulo e de dois outros povoados, Gamboa e Galeão.

Garapuá, o povoado

A pequena vila de pescadores de Garapuá conserva o ar bucólico e a rusticidade de ruas de terra, formado por modestas casas e um comércio básico. Os moradores do pacato vilarejo sobrevivem da pesca e do turismo.

Garapuá é sinônimo de tranquilidade e o povoado conta com estrutura básica oferecendo poucas pousadas.

O destaque do vilarejo é a hospitalidade do moradores locais e a gastronomia. Nos restaurantes que ficam na praia e nas ruas do povoado, é ofertado significativo número de frutos do mar e deliciosas comidas caseiras.

A denominação do povoado ‘Garapuá’ tem origem no nome da ave ‘Guará’,  nativa da região. Ela é espécie de garça com penas avermelhadas.

Garapuá, a praia

Com aproximadamente dois quilômetros de extensão, envolvida por natureza exuberante, escondida por morros revestidos pela Mata Atlântica, manguezais e um imenso coqueiral fica localizad a Praia de Garapuá. Ela possui areia fina e branca, fica praticamente deserta e é banhada por águas profundas, cristalinas, com pequenas ondas, em um convite ao descanso, ou ao mergulho.

Garapuá combina o silêncio de uma praia deserta com atividades em meio à natureza. Diferente da conhecida Morro de São Paulo, ela oferece tranquilidade e bela paisagem.

Tinharé, a ilha

Localizada no litoral da Bahia, a ilha de Tinharé possui cerca de 400 km2 e faz parte do Roteiro Turístico da Costa do Descobrimento. Ela é conhecida desde 1531, quando Martim Afonso de Sousa avistou, dando o nome de Tynharéa. Em 1630, foi construído um forte para defender a capital baiana e o Recôncavo da Bahia. Logo após, foi construída uma capela à Nossa Senhora da Luz, em Morro de São Paulo, e também a Igreja de São Francisco Xavier, em Galeão.

Como chegar

Para chegar até Garapuá o acesso é através de Salvador, passando por Morro de São Paulo, ou através de Valença, com barcos que realizam a travessia até a ilha de Tinharé.

Vista da praia do Povoado de Garapuá, na Ilha de Tinharé, no Município de Cairu.

Vista da praia do Povoado de Garapuá, na Ilha de Tinharé, no Município de Cairu.

Vista da praia do Povoado de Garapuá, na Ilha de Tinharé, no Município de Cairu.

Vista da praia do Povoado de Garapuá, na Ilha de Tinharé, no Município de Cairu.

Pescador do Povoado de Garapuá, na Ilha de Tinharé, no Município de Cairu.

Pescador do Povoado de Garapuá, na Ilha de Tinharé, no Município de Cairu.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]