Feira de Santana: HDPA completa 160 anos como referência em alta complexidade

A conquista da mais antiga instituição não-governamental em funcionamento em Feira de Santana foi comemorada com uma palestra sobre a unidade filantrópica.

A conquista da mais antiga instituição não-governamental em funcionamento em Feira de Santana foi comemorada com uma palestra sobre a unidade filantrópica.

Mantido pela Santa Casa de Misericórdia, o Hospital Dom Pedro de Alcântara (HDPA) completa 160 anos assumindo a condição de referência regional em atendimento médico-hospitalar de alta complexidade em três especialidades. A conquista da mais antiga instituição não-governamental em funcionamento em Feira de Santana foi comemorada na noite desta terça-feira (26/03/2019), com uma palestra sobre a unidade filantrópica, proferida pelo ex-provedor e ex-prefeito José Ronaldo de Carvalho, durante sessão solene na Câmara Municipal.

Provedor da Santa Casa de Misericórdia durante 10 anos, José Ronaldo relatou sua visão e experiência à frente da instituição, além da imensurável contribuição que o Hospital Dom Pedro de Alcântara deu para o desenvolvimento de Feira de Santana e da região. “Não escondo minha gratidão, meu reconhecimento eterno à Santa Casa, de extrema importância à minha vida, ao meu aprendizado”, afirmou.

José Ronaldo observou que, por ser filantrópica, a Santa Casa tem obrigação de atender só até 60% de seus pacientes através do SUS. “A de Feira de Santana atende, hoje, 98% dos pacientes pelo SUS”, revelou.

Além dos serviços médicos-hospitalares que marcaram a história da Santa Casa de Misericórdia, o Hospital Dom Pedro de Alcântara também conquista destaque com atendimento de referência em alta complexidade em três serviços. Hoje são oferecidos serviços de referência em cardiologia, transplante renal e tratamento contra o câncer.

O vice-presidente da Confederação Nacional das Santas Casas do Brasil, Maurício Dias, relatou que no Brasil existem 2.100 unidades da Santa Casa. “O que seria do Brasil sem as Santas Casas? Como imaginar um país que depende destas unidades para realizar 54% da assistência do SUS? ”, questionou.

Conforme a diretora geral do HDPA, Sandra Peggi, a Santa Casa continua avançando em sua missão de servir e ser referência em atendimento hospitalar em Feira de Santana. E lembrou que a unidade também hoje funciona como escola na área de medicina em algumas especialidades.

As comemorações foram promovidas por iniciativa do vereador Cadmiel Pereira, em reconhecimento às contribuições que a instituição tem dado ao desenvolvimento de Feira de Santana. E a solenidade foi presidida pelo presidente da Câmara, vereador José Carneiro; com as presenças na mesa de honra da secretária de Saúde, Denise Mascarenhas, representando o prefeito Colbert Martins Filho; e o provedor da Santa Casa, Carlos Seixas.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]