Bahia de Feira de Santana e Projeto CIDEM promovem treinamento de prevenção de incêndios na Arena Cajueiro

Cerca de 200 pessoas participaram do treinamento de prevenção à incêndios, primeiros socorros e controle de pânico em emergência na Arena Cajueiro, sede do time.

Cerca de 200 pessoas participaram do treinamento de prevenção à incêndios, primeiros socorros e controle de pânico em emergência na Arena Cajueiro, sede do time.

O Bahia de Feira de Santana, em parceria com o Projeto CIDEM (Congresso Internacional de Desastres em Massa) promoveu na manhã desta terça-feira (12/03/2019), um treinamento de prevenção de incêndios, primeiros socorros e controle de pânico em emergência na Arena Cajueiro, sede do time. Cerca de 200 pessoas participaram do evento, que foi organizado pelo coordenador do Projeto CIDEM, professor Jeidson Marques, e pelo engenheiro ambiental Sérgio Aras.

Os jogadores profissionais e da base do Bahia de Feira foram o público-alvo do treinamento. O evento contou ainda com a presença de autoridades do Grupo de Bombeiros Militares (GBM), Exército Brasileiro (EB), Polícia Militar (PM), Departamento de Polícia Técnica (DPT), Defesa Civil, Bombeiros Civis, Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB), e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMMAM) e Secretaria Municipal de Trânsito (SMT), representando a Prefeitura Municipal de Feira de Santana, além da participação de profissionais da imprensa.

A primeira parte do treinamento foi teórica. No auditório da Arena Cajueiro, os jogadores foram orientados sobre o uso correto de aparelhos eletrônicos e como proceder em situações de pânico. Desastres como o incêndio do Ninho do Urubu – Centro de Treinamento do Flamengo – e da Boate Kiss, em Santa Maria/RS, foram utilizados como exemplos do que deve ser evitado. Na oportunidade, foram explicados os cuidados que devem ser tomados com os feridos, bem como o tratamento correto para queimaduras e demais acidentes.

Em seguida, o treinamento seguiu para a parte prática onde, além do uso correto do extintor em foco de incêndio, foram realizadas três simulações. A primeira delas foi com os atletas da base: eles foram colocados dentro dos seus dormitórios para que fosse exercitado o controle de pânico durante a sua saída do local mediante sirene de alarme. Depois foi a vez de todos os atletas participarem da segunda simulação, que visou alertá-los diante de situação de emergência e controle de pânico nas arquibancadas da Arena Cajueiro, realizando uma evacuação controlada até o Ponto de Encontro em uma área segura do Estádio. Por fim, foi realizada uma simulação de atendimento de vítima de incêndio, que contou com a presença de uma viatura do exército e de peritos da Polícia Técnica, que falaram sobre a importância do isolamento do local do acidente. Todas as simulações, incluindo o uso prático do extintor de incêndio, foram conduzidas por membros do Projeto CIDEM e das instituições presentes no treinamento, como Exército, GBM e DPT.

A iniciativa do treinamento de prevenção de incêndios foi pioneira. O Bahia de Feira é um dos primeiros times do Brasil a orientar os jogadores que ficam alojados no Centro de Treinamento acerca de diversos tipos de emergência. Para o jogador da base do Bahia de Feira, Michel Alan, de 15 anos, os ensinamentos adquiridos durante o treinamento serão levados para toda a vida: “Foi algo muito importante para nós, que vivemos em alojamentos e locais fechados. Aprendemos que temos de manter a calma, agir com racionalidade, além de que pudemos assistir a demonstrações do uso do extintor de incêndio e do cuidado com queimaduras, tudo isso será levado adiante”, explica.

Atualmente o Bahia de Feira mantém 42 atletas das categorias de base e 22 jogadores profissionais alojados no Centro de Treinamento, estrutura que compreende a Arena Cajueiro, sede do time.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]