Vereadores rebatem críticas feitas por professores da APLB de Feira de Santana

Luiz Augusto (Lulinha): quem tem que resolver o problema de vocês, se têm direito ou não aos precatórios, é a Justiça e não esta Casa.

Luiz Augusto (Lulinha): quem tem que resolver o problema de vocês, se têm direito ou não aos precatórios, é a Justiça e não esta Casa.

Em pronunciamento, na sessão ordinária desta segunda-feira (12/11/2018), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o edil Luiz Augusto de Jesus (Lulinha, DEM) afirmou que os vereadores não são contra professores. “Mas, não podemos passar por cima da Lei. Quem tem que resolver o problema de vocês, se têm direito ou não aos precatórios, é a Justiça e não esta Casa. Quando chegam a esta Casa projetos que visam aumento salarial para esta categoria, nós aprovamos”, disparou Lulinha contra os professores que estavam presentes nas galerias da Casa.

Ainda no uso da tribuna, o edil parabenizou a realização da 48ª Cavalhada do Povoado do Socorro e lembrou que os vereadores sempre votam favorável aos professores.

“Estive presente na 48º Cavalgada do Povoado do Socorro, onde estavam presentes também o presidente da Casa, vereador José Carneiro Rocha (PSDB); o ex-prefeito dessa cidade, lideranças políticas, comunidade e vários grupos de cavaleiros da região”, pontuou Lulinha.

Edvaldo Lima trata sobre professores, reforma e combustível

No uso da tribuna, na sessão ordinária desta segunda-feira (12), na Casa da Cidadania, o vereador Edvaldo Lima (PP) pediu mais respeito aos vereadores de Feira de Santana por parte dos professores que compõem a APLB.

“Fui eleito para defender o povo e estou aqui para isso. Tenho dois filhos que são professores e respeito carinhosamente esta profissão. Agradeço aos mestres que me ensinaram a ser patriota e amar meu país. Precisamos disso: de amar nosso país. Quero aqui dizer que nunca votei contra os professores. Agora, ir para os meios de comunicação dizer que os vereadores desta Casa votam contra a população e os professores não é correto. Respeitem os vereadores desta Casa, respeitem o vereador Edvaldo Lima”, pontou Edvaldo.

E continuou. “Vocês, professores, precisam trocar a presidente da APLB. Fui sindicalista por três mandatos e sei bem o que é defender uma categoria e entrar numa luta. Se o problema está na Justiça não tem como se resolver, só a Justiça é quem vai decidir. Quando chegar a esta Casa, aí sim, votaremos favorável, mas com essa presidente vocês vão perder muita coisa. Sei que aqui tem muitos pais e mães de família que não gostariam que o filho chegasse em casa relatando que a professora deu cartilha ensinando isso ou aquilo. O professor está em sala para ensinar disciplina apenas. É isso que precisa: que alunos e professores sejam respeitados”, analisou.

Reforma

Ainda no uso da tribuna, o vereador Edvaldo Lima voltou a reivindicar a reforma do mercado do Bairro do Tomba. “É o mercado mais antigo da cidade. Peço ao prefeito que cuide do mercado, que está jogado às traças. Ontem à tarde, ninguém conseguia ficar perto por conta da fedentina. Peço ao prefeito que reforme aquela feirinha, como já fez em outros bairros. Agora é a vez do Tomba, que precisa de uma reforma imediata e a cobertura do mercado”, pediu.

Combustível

Para finalizar, o edil lembrou que semana passada usou a tribuna para tratar do valor cobrado pelos combustíveis em Feira. “A Petrobrás diminuiu os valores nas refinarias, mas esta redução não chegou aos postos de combustíveis da nossa cidade. Peço ao Executivo que determine que o Procon procure saber o porquê que esta redução não chegou aos consumidores’, findou.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]