Eleições 2018: Senador eleito, Angelo Coronel agradece vitória ao povo baiano e ao ‘Time do Correria’: Rui Costa, João Leão, Jaques Wagner e Otto Alencar

Deputado estadual Angelo Coronel (PSD/BA) agrade votos recebidos e apoio de partidos e políticos na conquista do mandato de senador da República.

Deputado estadual Angelo Coronel (PSD/BA) agrade votos recebidos e apoio de partidos e políticos na conquista do mandato de senador da República.

“Os últimos dois anos me reservaram grandes conquistas na vida pública: ter sido eleito presidente da Assembleia Legislativa da Bahia e, neste domingo (07/10/2018), ser eleito Senador da República pela minha Bahia. Em primeiro lugar, agradecer a Deus, depois ao povo baiano, que me confiou esta missão; aos meus familiares, minha especialmente minha esposa Eleusa; e ao ‘Time do Correria’, comandado pelo governador Rui Costa, pelo vice João Leão, pelo meu companheiro de Senado, Jaques Wagner e pelos senadores Otto Alencar e Roberto Muniz. Sem eles, não teria condições de postular, quanto mais alcançar esta vitória expressiva nas urnas. Jogamos juntos, unidos, sob o comando de um grande líder político e administrativo que é Rui Costa”, comemorou Angelo Coronel, no Palácio de Ondina, quando a marcha das apurações já chegava ao fim.

O novo Senador da Bahia também fez questão de enaltecer o alto nível da disputa ao Senado. “Não houve baixaria alguma e todos os nossos concorrentes se comportaram com dignidade. Parabenizo a Irmão Lázaro, a Jutahy Magalhães, a Comandante Rangel, e a todos os demais candidatos ao Senado, pelo comportamento ético e exemplar. Sempre defendi que política não se faz com agressões nem baixarias, mas pela exposição de propostas e de sua própria vida pública”, elogiou, ressaltando também o trabalho realizado pelos seus candidatos à suplência, Davidson Magalhães (PCdoB) e Sílvia Cerqueira (PRP).

Ele diz também que a Bahia terá, pela primeira vez na história, um time de senadores afinados com os interesses do Estado e do povo baiano. “O Senado ganha um homem público com a dimensão do ex-governador Jaques Wagner, que mudou a forma de se fazer política na Bahia, trocando o chicote pelo diálogo. E teremos a companhia de Otto Alencar, meu amigo, meu compadre, e um político extraordinário, com uma pauta que vamos abraçar sem nenhuma vacilação: a defesa dos rios do Brasil e, principalmente, a do Rio São Francisco”, enfatizou Angelo Coronel.

Angelo Coronel diz que vai entrar em um Senado renovado e que isto será decisivo para fazer as mudanças que o povo brasileiro demonstrou querer com os resultados eleitorais deste domingo. “É preciso ter coragem para mudar o status quo, para enfrentar questões fundamentais como a reforma tributária, acabando com esse imposto em cascata que penaliza a produção e o consumidor. Será preciso coragem para enfrentar o cartel dos bancos, aumentando os investimentos em saúde e educação e reduzindo os ganhos de quem ganha com especulação financeira”, ressalta o candidato eleito ao Senado pela Coligação MAIS TRABALHO POR TODA A BAHIA.

O atual presidente da Assembleia Legislativa da Bahia diz que também vai focar sua atuação no Congresso Nacional na solução dos problemas de segurança pública. “Temos que criar uma força-tarefa contra o narcotráfico, com mais inteligência e menos aparato policial. Precisamos endurecer a guerra contra os traficantes, mas atacando o grande distribuidor e os grandes cartéis de drogas. O governador Rui Costa investiu muito em policiamento, mas o Governo Federal deixa as fronteiras abertas às drogas e armas ilícitas”, disse Coronel.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]