Feira de Santana: professora da Royal Academy of Dance elogia o Programa Arte de Viver

A examinadora e professora de balé da Royal Academy of Dance, Bonnie de Beer, visita o Centro de Cultura Maestro Miro.

A examinadora e professora de balé da Royal Academy of Dance, Bonnie de Beer, visita o Centro de Cultura Maestro Miro.

Na semana passada, o Centro de Cultura Maestro Miro recebeu a visita da examinadora e professora de balé, Bonnie de Beer, da Royal Academy of Dance (Real Academia de Dança) localizada em Londres. É uma das maiores e mais influentes organizações de ensino e prática de dança e tem a maior banca examinadora de balé clássico do mundo.

Bonnie veio a Feira de Santana pela primeira vez e teve a oportunidade de conhecer o Programa Arte de Viver, a convite do diretor do Maestro Miro, Luiz Augusto de Oliveira. Além de ter acompanhado as aulas de algumas das oficinas, ela também conheceu o Memorial Nelson Gonçalves e o Teatro Ângela Oliveira.

A examinadora pôde acompanhar um pouco as aulas de Balé Baby, Dança de Salão, Teatro Melhor Idade e a oficina de violão. E segundo ela, esse momento foi um dos pontos mais interessantes e inspiradores da viagem.

“Eu fiquei muito impressionada com a disciplina e o comprometimento que elas mostravam ter com a aula. Eu amei também o fato de que é oferecido no Maestro Miro atividades para as pessoas idosas, que só pelo fato de os deixarem livres para apreciar as atividades e de interagir uns com os outros já os deixavam muito felizes e alegres”, observou.

Bonnie também destacou a “atmosfera positiva” do CCMM. “Um lugar muito feliz e seguro, que permite que as pessoas tenham experiências com a arte e com a cultura. E eu acho que tudo que envolve dança, música, teatro e artes em geral é muito importante e bom pra alma” afirmou a professora.

A sulafricana não escondeu que a oficina que mais lhe chamou a atenção foi a Balé Baby. “Eu definitivamente acho que a dança tem um grande impacto na vida das crianças. A disciplina que a dança traz é muito importante. Especialmente com as meninas, a dança faz com que elas se sintam bem com o próprio corpo, faz com que elas cuidem de si mesmas. O ballet é muito mais do que a técnica e do que o professor ensina. Então ao contrário do que muitos pensam não é só sobre a dança, é a disciplina, o foco, é a determinação de trabalhar duro para melhorar a si mesmo”.

Mercado de Arte Popular

Em sua visita a Feira de Santana, Bonnie de Beer também conheceu um dos pontos turísticos da cidade, o Mercado de Arte Popular (MAP). E revela que ficou encantada com o som de um instrumento genuinamente baiano, o berimbau. “Achei muito interessante e diferente do que estou acostumada a ver na África. Fiquei muito encantada pelo som e pelo ritmo”, confessou.

Ela também foi contagiada pela calorosa recepção dos feirenses. “As pessoas aqui parecem muito felizes, alegres e amigáveis. O Mercado, no horário que eu fui, estava bem calmo, mas mesmo assim pude ver muita cultura ali”, declarou.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]