Completando 15 anos de atividades em Feira de Santana, CAPS AD passará a ter leitos noturnos

Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Outras Drogas completa 15 anos de atividades.

Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Outras Drogas completa 15 anos de atividades.

O Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Outras Drogas (CAPS AD) passará a contar em breve com leitos noturnos. A informação foi dada pela coordenadora da Rede de Saúde Mental, Robervânia Cunha, durante a comemoração dos 15 anos de atividades do órgão. O evento aconteceu nesta quarta-feira (26/09/2018), e contou com a oferta de vários serviços aos pacientes e familiares.

“Nós ganhamos três unidades próprias para CAPS, a primeira vai ser entregue agora em outubro que é o CAPS Infantil, as outras serão a partir de dezembro. Para o CAPS AD nós vamos pedir a qualificação do tipo 2 para o tipo 3, ou seja, teremos aqui também leitos noturnos para os que necessitam. Esse é o nosso presente desses 15 anos para vocês”, revelou Robervânia.

A programação comemorativa incluiu: cortes de cabelo, aulas de dança, testes rápidos, grupos com palestras e um varal solidário com peças de roupas gratuitas. O CAPS AD conta atualmente com mais de seis mil pessoas cadastradas.

Mudança de vida

O vício do álcool levou Edmilson Almeida a sofrer dois AVC (acidente vascular cerebral) e a tentar tirar a própria vida. Sua realidade começou a mudar há cerca de dois anos, quando passou a ser assistido pelo CAPS AD.

“Ele queria sair do vício sozinho, sem ajuda. Foi quando eu conversei com ele e buscamos o CAPS. Graças a Deus está fazendo dois anos que ele se libertou do vício do alcoolismo, toma medicamento para ansiedade, e hoje passa essa experiência para outras pessoas, inclusive já trouxe dois amigos que estão no mesmo caminho que um dia ele esteve”, relata a esposa Euzélia Rodrigues.

Suporte familiar favorece o tratamento

A psicóloga Leandra Reis observa que o paciente que tem esse suporte familiar apresenta melhor resultado no tratamento. “O resultado é mais rápido do que aquele paciente que chega sozinho, porque o tratamento acontece também em casa. Então essa família está engajada em saber como está sendo esse processo e participa dos grupos terapêuticos que nós temos, recebendo também o acolhimento e assistência”, ressalta.

Projeto terapêutico individual

Cada paciente que adentra no CAPS tem um projeto terapêutico elaborado de maneira individual. O principal requisito para iniciar na unidade é “realmente querer ajuda”, informa a coordenadora, Carolina Carvalho.

“De acordo com a necessidade, substância e grau de dependência, fazemos o encaminhamento para oficinas terapêuticas, grupo de ajuda mútua, atividade física, psicoterapia, avaliação com psiquiatra e o tratamento medicamentoso”, ressalta.

O CAPS AD é aberto de segunda a sexta, das 8 às 18 horas, na Rua Prudente de Morais, nº 170, Ponto Central, em Feira de Santana.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]