Eleições 2018: José Ronaldo inicia campanha no Bonfim, em Salvador, e diz que Rui Costa não cumpre promessas

Jutahy Magalhães, José Ronaldo e ACM Neto.

Jutahy Magalhães, José Ronaldo e ACM Neto.

Cartaz anuncia agenda de José Ronaldo de 17 a 19 de agosto de 2018.

Cartaz anuncia agenda de José Ronaldo de 17 a 19 de agosto de 2018.

Até quem não tem balangandã foi hoje pela manhã à Igreja do Bonfim, em Salvador. A tradicional missa das sextas-feiras, a cargo do padre Edson Menezes, foi escolhida para ser o pontapé inicial da campanha do candidato ao governo do estado José Ronaldo, da Coligação Coragem para Mudar a Bahia (DEM, PSDB, PSC, PTB, PRB, PV, PPL e Solidariedade). Acompanhado pelo prefeito ACM Neto e pelo candidato ao Senado Jutahy Magalhães, além de deputados e vereadores da Coligação, José Ronaldo ouviu o padre dizer, ao longo da missa, que todos candidatos deveriam ter um compromisso com a fidelidade e, portanto, cumprir promessas. O recado, segundo José Ronaldo, foi dirigido a Rui Costa.

“Estamos aqui no Bonfim entregando a nossa campanha nas mãos do Senhor do Bonfim para que Ele conduza da melhor maneira, se Ele assim entender. Tenho fé inabalável em Deus. Ao longo de minha vida como homem público sempre cumpri todos os compromissos que assumi. É uma obrigação que deveria ser seguida por todos. Infelizmente, o candidato Rui Costa não pensa assim. Vai em uma cidade, dá ordem de serviço e a ordem de serviço evapora”, disse José Ronaldo, que citou vários outros compromissos não cumpridos pelo atual governador, como a estrada de Itabuna a Ilhéus, o trem de Feira de Santana para Salvador, o hospital geral de feira, o  hospital da região sisaleira, o hospital do extremo sul, o hospital do litoral norte. “Tudo isso são promessas não cumpridas pelo governador. Se for fazer uma lista, a gente vai falar o dia inteiro e essa lista não termina”.

Perguntado se Rui Costa teria fugido do debate, realizado na noite de ontem pela TV Bandeirantes, José Ronaldo foi incisivo: “Quando a gente falava de segurança pública, ele fugia rigorosamente; quando a gente falava de educação e saúde, fugia de novo. Sobre a questão da Segurança Pública ele chegou a dizer que era solidário aos policiais. Ora, os policiais são os que mais reclamam, pois estão perdendo a vida. Não há segurança nem para os policiais. Isto é realmente fugir das suas responsabilidades”.

Comentando o debate, o prefeito ACM Neto disse que Rui Costa sempre tem que procurar um bode expiatório para “justificar seus defeitos, problemas, omissões e faltas como governador”.

– Ao invés de assumir as responsabilidades, depois de 12 anos de governo, procura culpados e desculpas e encontra um bode expiatório no presidente da República.

Segundo ACM Neto, a economia da Bahia piorou, o desemprego aumentou, a Bahia tem a pior qualidade da educação pública do Brasil, o setor de Saúde é marcado pela fila da morte na regulação. “Ele não tem respostas para essas questões, que demonstram o fracasso da sua gestão e dos 12 anos do PT. Os baianos querem discutir o futuro e é com essa palavra de esperança que eu sei que José Ronaldo vai ganhar essa eleição”.

Após a missa no Bonfim, a comitiva seguiu para a Rua Direta do Uruguai, onde foi realizada uma caminhada com enorme presença de ambulantes e comerciantes locais, que saudaram José Ronaldo com acenos das janelas e palavras de esperança. Presente na caminhada, o ex- pugilista Reginaldo Holyfield, atualmente gestor de projetos da prefeitura de Salvador, disse que José Ronaldo se saiu muito bem no primeiro debate entre candidatos ao governo. “Rui Costa não aguentou. Foi um nocaute”.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]