Educadores participam de formação sobre conteúdos pedagógicos associados à tecnologia digital em Salvador

Encontro do e-Nova Educação no Instituto Anísio Teixeira.

Encontro do e-Nova Educação no Instituto Anísio Teixeira.

Professores, gestores e coordenadores pedagógicos da rede estadual de ensino participaram, nesta segunda-feira (30/07/2018), no Instituto Anísio Teixeira (IAT), em Salvador, do 1º Encontro de gestores e educadores do Programa e-Nova Educação e Meet up GEG-Bahia. O e-Nova, que foi lançado pelo Estado em parceria com o Google, está ampliando o acesso dos estudantes a conteúdos pedagógicos associados à tecnologia digital, por meio de chromebooks conectados à internet de alta velocidade.

No encontro, os participantes ampliaram os conhecimentos sobre o uso pedagógico de ferramentas tecnológicas em sala de aula, a partir de workshops em audiovisual, formação em audiovisual e oficina de mídias digitais, para que se tornem multiplicadores nas unidades de ensino que atuam. A atividade também teve como foco a participação dos educadores na 15ª Semana Nacional de Ciência Tecnologia.

Com o projeto e-Nova Educação, 6.150 chromebooks já foram entregues em 246 escolas estaduais na capital e no interior. Ao todo, 14 mil chromebooks serão entregues, em 536 escolas da rede estadual, ainda neste semestre. Maria do Socorro Santos é diretora do Colégio Estadual Alfredo Magalhães, uma das unidades que já receberam os equipamentos e fala sobre o papel pedagógico do encontro. “Contamos com dois professores que estão participando das capacitações e deverão atuar como multiplicadores na nossa escola”, comentou.

Para o professor de Física, Edmundo Ângelo Cabral, do Colégio Estadual Antônio Carlos Magalhães, o uso do CEG-Bahia vai instigar ainda mais o interesse dos alunos pela busca de conhecimento. “Estou animado. Quando exibi vídeos sobre energia, água e saneamento básico na TV Pen Drive, eles ficaram super interessados. Agora, com essa ferramenta, poderemos interagir de outras formas, inclusive enviando atividades e desafios de casa mesmo”, destacou. A professora Ednaildes dos Santos, de Ciências e Biologia, do Colégio Estadual Paulo Américo, também fala sobre o projeto que está levando o acesso à internet banda larga para todas as escolas da rede. “A chegada da internet banda larga na nossa escola é fundamental para o sucesso desse trabalho”, destacou.

Além dos encontros presenciais, outras estratégias estão sendo adotadas para facilitar o uso dos chromebooks em sala de aula. Uma delas é o Grupo de Educadores Google-Bahia (GEG-Bahia), rede social formada há três meses, exclusivamente, por professores e coordenadores pedagógicos, por meio da qual é possível interagir, elaborar quiz, criar my space, (site temático do professor) e formulários eletrônicos, bem como compartilhar conteúdos curriculares em diversos formatos, como texto, vídeo e foto.  Segundo o gerente de projetos da Secretaria da Educação do Estado, Rogério Quintella, “o GEG-Bahia já reúne 300 educadores e até o final deste ano, a expectativa é reunir cerca de 24 mil, tornando-se a maior rede social de educadores do mundo”, ressaltou.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]