Drogas: é melhor não usar | Por Gervasio Campos

Gervasio Batista Campos é médico anestesiologista e professor da Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia (UFBA).

Gervasio Batista Campos é médico anestesiologista e professor da Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia (UFBA).

Diariamente, somos informados pela televisão, rádios, jornais e revistas da ocorrência de graves acidentes de trânsito, crimes e ações policiais de combate ao tráfico de drogas. Cada um de nós é vítima do caos que há muito tempo se instalou no mundo e que só tem aumentado. Todos nós temos um conhecido, um vizinho, um amigo ou mesmo um familiar, vítima das drogas, seja como usuário ou mesmo atingido pela violência.

Nossa família também se tornou vítima quando minha esposa foi surpreendida com um telefonema do serviço social de um hospital, informando que minha enteada estava sendo atendida, vítima de ferimento à bala, em uma tentativa de assalto feita por dois drogados. Uma moça jovem de 27 anos, com o coração repleto de sonhos a realizar, um filho para criar e uma vida pela frente, estava numa cama de hospital com uma bala alojada na coluna vertebral. Estava paraplégica!

Depois de alguns anos, veio-nos uma ideia: por que não criarmos um programa educacional direcionados a jovens em idade escolar? São exatamente eles as maiores vítimas das drogas. Proferir palestras de cunho educacional, com uma abordagem científica simples e didática, visando orientar os jovens ao mostrar o que são realmente as drogas. Como elas agem no cérebro e em outros órgãos do corpo humano, as consequências para a sua vida, para a dos familiares e à sociedade, as armadilhas da publicidade enganosa das bebidas alcoólicas.

Informações com embasamento científico sobre a maneira como as drogas agem no funcionamento do cérebro (psicotrópicas). Entender a fisiologia cerebral e como ela é afetada pelas drogas. Existem as mais utilizadas, os motivos que podem levar um jovem a consumi-las e as consequências advindas das escolhas feitas. Discutir e levar a informação verdadeira é de grande utilidade para a difusão do conhecimento científico sobre as drogas e de como elas adoecem o cérebro dos usuários. Portanto, é um tema atual, conflitante e preocupante diante do momento que vive a humanidade.

*Gervasio Batista Campos é médico anestesiologista e professor da Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia (UFBA). ([email protected])

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]