Câmara Municipal de Feira de Santana promove sessão especial em comemoração de um ano de fundação da UNAMACS

Sessão especial promovida pela Câmara Municipal de Feira de Santana registra um ano de fundação da UNAMACS.

Disseminar conhecimentos e fortalecer ações positivas em defesa da natureza, harmonizando os interesses social, econômico e ambiental. Essa é a proposta da Universidade Aberta de Meio Ambiente e Cidadania Sustentável (UNAMACS), que comemorou um ano de fundação nesta sexta-feira (10/08/2018), em uma sessão especial na Câmara Municipal. A ideia é resgatar os saberes locais para a preservação global.

Ao abrir a solenidade, o vereador Roberto Tourinho lembrou que a Constituição Federal de 1988, artigo 225, estabelece que “todos têm o direito ao meio ambiente e o dever de preservá-lo”, colocando todos os cidadãos como “vigilantes do meio ambiente”. Ele destacou que Lembrou que Feira de Santana sedia a primeira entidade do gênero no Nordeste, a terceira no Brasil e a sétima do mundo e fez referência especial a Sérgio Carneiro, “pela visão de futuro e compromisso claro com a defesa do meio ambiente”.

Responsável pela realização da sessão especial, Tourinho ressaltou a proposta da entidade de construir um modelo de educação para a sustentabilidade, onde crescimento e desenvolvimento estejam harmonizados com a preservação do meio ambiente. O vereador alertou que “às vezes o poder econômico esmaga as iniciativas de preservação ambiental”. Por isso a importância da contribuição dos educadores e voluntários.

“A UNAMACS chega com uma proposta inicial para a terceira idade”, disse Erika Teles Mineiro, gestora e educadora ambiental da entidade, que destacou o trabalho realizado pela Universidade Aberta à Terceira Idade (UATI), mantida pela Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Ela falou sobre a história desse primeiro ano de trabalho, que é focado em três pilares: formação, pesquisa e extensão. “Tudo é feito de forma compartilhada”, enfatizou.

Nem só de meio ambiente vive a UNAMACS. Dentre as atividades realizadas pela entidade estão cursos de primeiros socorros, apicultura, resíduos sólidos, biofertilizantes, recomposição ambiental, preservação ambiental e compostagem. Durante a apresentação, Erika Teles falou das parecerias e citou o curso do Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais (CEFIR), realizado na Faculdade de Ciência e Tecnologia (FTC), por meio do Colegiado de Engenharia Ambiental.

Os resultados já podem ser contabilizados em números. São 3.503 pessoas qualificadas, 26 cursos de extensão 19 oficinas socioambientais, 24 palestras e participações em eventos. Vale lembrar que todos os cursos são gratuitos e os professores, voluntários. “A UNAMACS já está rendendo frutos e a tendência é crescer”, atestou Elizângela Maria de Lucena, gestora da entidade. “A cidade precisa de ações que tenham resultados”, disse Elizângela, agradecendo as parcerias.

Há quatro meses à frente da Secretaria Municipal de Meio de Ambiente, Arcênio José Oliveira disse que a UNAMACS foi um presente para Feira de Santana. Ele destacou o empenho de todos que constroem a entidade no dia a dia e os órgãos parceiros que atuam para consolidar as ações desenvolvidas. Sobre a estrutura e o histórico da Universidade, elogiou as apresentações das gestoras Erika Teles e Elizângela Lucena.

Ninguém melhor do que Sérgio Carneiro, municipal de Meio de Ambiente e idealizador da UNAMACS, para contar a história da entidade, cujo projeto trouxe brilho aos olhos desde o início. Dele e das educadoras ambientais que ainda mantêm o mesmo entusiasmo. Sérgio disse que as pessoas geralmente associam o termo Universidade ao sentido lato sensu, mas esclareceu que não há exigência de nível escolar. “Todos podem participar”, informou.

Também se pronunciaram durante a sessão especial Deodato Peixinho, diretor do Departamento de Áreas Verdes da Secretaria Municipal de Serviços Públicos; Paulo Santos, idealizador e fundador do Ecobairros; e Sérgio Aras, diretor de Formação e Capacitação da Associação Brasileira dos Técnicos de Segurança do Trabalho. Todos falaram do crescimento das ações socioambientais a partir da fundação da entidade em Feira de Santana.

A sessão foi presidida pelo vereador Roberto Tourinho, que compôs a mesa ao lado de Arcênio José Oliveira, secretário municipal de Meio de Ambiente, representando o prefeito Colbert Martins da Silva; Tenente Gabriel Barbosa de Oliveira, representando o Tenente Coronel Janilson Campos Teixeira, comandante do 35º Batalhão de Infantaria; Erika Teles Mineiro e Elizângela Maria de Lucena, gestoras da UNAMACS; e Sérgio Carneiro, ex-secretário municipal de Meio de Ambiente e idealizador da UNAMACS.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]