Festival Internacional do Chocolate e Cacau Impulsiona negócios e turismo em Ilhéus

Chocolat Bahia 2018 reúne cerca de 120 expositores

Chocolat Bahia 2018 reúne cerca de 120 expositores

Foi aberto na noite desta quarta-feira (18/07/2018) o 10º Festival do Chocolate e Cacau de Ilhéus, que acontece até domingo (22) no Centro de Convenções da cidade. O Chocolat Bahia 2018 reúne cerca de 120 expositores e apresenta mais de 40 marcas de chocolate do Sul da Bahia, incluindo produtos da agricultura familiar.

O evento inclui também o VI Fórum Brasileiro do Cacau, que conta com painéis de palestrantes nacionais e internacionais discutindo as tendências do mundo do chocolate. A Feira do Chocolate acontece durante todo o festival e promove Workshops e cursos de gastronomia com receitas à base de chocolate. Entre os palestrantes estão Zilma Helena, Olívia Fernandes, Alessandra Marino, Abner Ivan e Lucas Corazza.

Um curso de como fazer chocolate, da amêndoa do cacau à barra, será ministrado por especialistas, como a francesa Chloé Doutre, a venezuelana Maria Fernanda Di Giacobbe e a paulista Luisa Abram. Para as crianças, foi montado o espaço Cozinha Kids, com recreações e minicursos com duração média de 30 minutos.

O secretário estadual de Planejamento, Antonio Henrique de Souza destaca que “os investimentos na produção de amêndoas de qualidade e no fortalecimento de toda a cadeia produtiva, permitem que o Sul do Estado possa gerar emprego e renda”. Para a secretária de Agricultura, Andréa Mendonça, “o evento permite a troca de experiências, a divulgação de novas tecnologias que consolidam a região não apenas como produtora de cacau, mas também de chocolates de origem, com alto valor agregado”.

Cooperativas de agricultura familiar também estão presentes no evento, além de associações e assentamentos que produzem chocolate. “O Festival do Chocolate permite essa interação entre os produtores e consumidores, oportunizando que a agricultura familiar, que tem forte presença na região, demonstre todo o seu potencial e possa ampliar a produção de cacau e chocolate”, destaca o secretário de Desenvolvimento Rural, Jeandro Ribeiro.

Rota do Chocolate

Durante a abertura do evento, foi inaugurada oficialmente a Rota do Chocolate, estrada temática da Bahia, que inclui fazendas centenárias, recantos naturais, fábricas de chocolates de origem, etc. O secretário de Turismo, José Alves, ressalta que “a criação de um pólo chocolateiro tem impactos positivos no turismo e a Rota de Chocolate vai ampliar as opções para turistas de todo o Brasil e do Mundo, atraídos pela obra de Jorge Amado e a magia do cacau”. A Secretaria de Turismo assinou um convênio com o Sebrae, para promover a capacitação de todos os segmentos envolvidos na Rota do Chocolate.

Marco Lessa, idealizador do projeto e organizador do evento, afirma que “o festival é uma forma de difundir a cadeia produtiva do cacau, reunindo consumidores, especialistas e produtores. É uma oportunidade para discutir a industrialização, a verticalização da produção e, consequentemente, a melhoria da qualidade das amêndoas de cacau selecionado e um produto final de excelência, além de promover a conservação ambiental e o turismo de experiência”, diz.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]