+ Manchetes >

Coreógrafa e gestora cultural representa a Bahia no maior festival de dança do mundo

Cristina Castro apresenta a palestra ‘Curadoria como Rede’ no Festival de Dança de Joinville.

Cristina Castro apresenta a palestra ‘Curadoria como Rede’ no Festival de Dança de Joinville.

A coreógrafa e gestora cultural Cristina Castro integrou a 12ª edição dos Seminários de Dança, sob a temática ‘A Dança da rede/As Redes da Dança – A gente quer a vida como a vida quer’; organizado pelo Instituto Festival de Dança de Joinville e pela curadoria artística formada por Ana Botafogo, Caio Nunes e Thereza Rocha, entre os dias 22 e 23 de julho de 2018.

Na palestra intitulada ‘Curadoria como Rede’, a gestora cultural compôs a mesa juntamente com Cássia Navas (SP) e Erivelto Viana/Conexão Dança (MA). Em sua exposição, ela abordou a sua trajetória de 12 anos à frente do Vivadança Festival Internacional e as redes que vêm sendo criadas através dele, entre público, parceiros e artistas.

“Fui chamada para falar desse projeto incrível que é o Vivadança e fico imensamente orgulhosa e feliz pelos resultados que ultrapassam sempre as expectativas. O nosso festival coloca a Bahia na rota de festivais importantes que estimulam a produção e a circulação das pesquisas artísticas”, ratifica Cristina Castro.

O Vivadança Festival Internacional tem apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia. É uma realização da Baobá Produções Artísticas.

Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA)

Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas, o Fundo de Cultura é gerido pelas Secretarias da Cultura e da Fazenda. O mecanismo custeia, total ou parcialmente, projetos estritamente culturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado. Os projetos financiados pelo Fundo de Cultura são, preferencialmente, aqueles que apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada. O FCBA está estruturado em 4 (quatro) linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação: Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; Eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Artística e Cultural e Editais Setoriais.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]