Vereadora trata sobre Medida Provisória e Micareta de Feira de Santana

Eremita Mota: o Congresso Nacional recebeu uma Medida Provisória que altera a lei dos agentes comunitários de saúde.

Eremita Mota: o Congresso Nacional recebeu uma Medida Provisória que altera a lei dos agentes comunitários de saúde.

Em pronunciamento, na sessão ordinária desta terça-feira (24/04/2018), na Casa Legislativa de Feira de Santana, a edil Eremita Mota (PSDB) tratou sobre uma Medida Provisória, que visa beneficiar os agentes comunitários de saúde e a Micareta de Feira.

“O Congresso Nacional recebeu uma Medida Provisória que altera a lei dos agentes comunitários de saúde. Ela prevê melhorias para a categoria, como por exemplo, o trabalho no planejamento de atividades e avaliação de ações e jornada de trabalho de 40 horas semanais. Aqui em Feira de Santana, a categoria já realiza estas atividades porém, clama por autonomia e remuneração justa. Prova disto é que já estiveram nesta Casa por várias vezes. Espero que a Medida seja aprovada e beneficie estes trabalhadores”, lembrou Eremita.

Micareta

Ainda no uso da tribuna, a vereadora afirmou que apesar da Micareta deste ano ter sido mais tranquila, é preciso repensar a festa. “Mesmo não tendo registro de morte, em entrevistas ouvir os barraqueiros falarem que não tiveram o lucro esperado. Eles pagaram para estarem ali e o lucro não compensou”, disse.

Para Eremita, a Micareta precisa passar por uma reformulação. “Eu moro em um bairro próximo a festa e nem parecia que estava acontecendo a festa. Conclamo ao Poder Público que discuta a festa para que haja melhorias. Eu penso que em Feira de Santana poderia ter um São João bem organizado, acredito que a população vai gostar”, pontuou.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]