Fiscalização encontra produtos vencidos em postos de combustível de Feira de Santana

ANP realiza fiscalização em posto de combustível de Feira de Santana.

ANP realiza fiscalização em posto de combustível de Feira de Santana.

A fiscalização da ANP (Agência Nacional de Petróleo) não constatou, através de exames físico-químicos, irregularidades nos combustíveis dos 12 postos visitados entre terça e quinta-feira, em Feira de Santana.

Por outro lado, o Procon local – a fiscalização foi realizada em conjunto – verificou que algumas lojas de conveniência localizadas nos postos vendiam produtos com o prazo de validade vencido.

O chefe da Fiscalização do Procon, Camilo Cerqueira, disse que os produtos irregulares destinados à venda foram apreendidos e descartados imediatamente.

“As pessoas devem ficar atenta ao prazo de validade”, afirmou. Outra atribuição do órgão foi com relação à exposição dos preços, que devem estar conforme à legislação, no tocante às formas de pagamento: cartão ou à vista.

O especialista em regulação da ANP, Rafael Moreno, disse que apenas foi constatada uma irregularidade na documentação apresentada por uma dos postos, que terá cinco dias para resolver a pendência.

Segundo ele, a fiscalização está presente na região, detalhe que não permite que os produtos sejam adulterados ou o volume seja menor do que o anunciado nas bombas.

Em caso de desconfiança, afirma o especialista da ANP, o consumidor tem o direito de pedir que a quantidade seja medida em vasilhame específico que todos os postos devem ter.

O galão medidor tem capacidade para 20 litros. A variação de até cem mililitros, para cima ou para baixo, é considerada normal. A recusa deve ser comunicada à ANP, conforme o especialista.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]