Deputado Alex Lima critica secretário municipal José Antônio Rodrigues e desqualifica serviço prestado na saúde pela gestão de ACM Neto em Salvador

Gestão do prefeito ACM Neto é criticada por sectarismo.

Gestão do prefeito ACM Neto é criticada por sectarismo.

O deputado estadual Alex Lima (Sem Partido), rebateu as declarações do titular da Secretaria Municipal da Saúde, José Antônio Rodrigues de que o governador Rui Costa (PT) estaria se negando a custear as policlínicas de Salvador. De acordo com o parlamentar, ao invés de trabalhar para melhorar a cobertura do Programa de Saúde da Família (PSF) na capital, o secretário estaria disseminando declarações maldosas com o objetivo de desclassificar o trabalho do governador.

“A construção das policlínicas é resultado da formação de consórcios de saúde entre o Governo do Estado e os municípios. Parte do custeio das duas policlínicas em Salvador não será financiada pelo Governo porque o prefeito ACM Neto, mesmo ciente das regras do consórcio, escolheu não se consorciar. É uma pena que o secretário perca tempo disseminando declarações maldosas. Ele poderia estar tentando tirar Salvador do topo entre as capitais com a pior cobertura do Programa de Saúde da Família”, disse o deputado, ressaltando o trabalho desempenhado pelo governador na Saúde de Salvador e interior do estado.

“Desde que assumiu o Executivo, ao lado do secretário Fábio Vilas-Boas, o governador Rui Costa já levou inúmeros benefícios para a saúde na Bahia. Apesar do prefeito ACM Neto não ter aceitado se consorciar, conforme prevê a regra, a estrutura das policlínicas de Salvador é a mesma dos equipamentos ofertados no interior do estado. Rui Costa sabe muito bem o quando os soteropolitanos são carentes de atendimento adequado”, lamentou.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected].br