Sindicato de servidores do Município de Candeias convoca assembleia para deflagrar greve

Sindicato de servidores de Candeias convoca assembleia para deflagrar greve.

Sindicato de servidores de Candeias convoca assembleia para deflagrar greve.

Após ter realizado uma manifestação na frente da Prefeitura de Candeias hoje (08/02/2018), o Sindicato dos Servidores do Município de Candeias (SISEMC) convocou assembleia para o próximo dia 16, na praça dr. Francisco Gualberto Dantas Fontes, para a deflagração da greve. Hoje o sindicato tentou uma audiência com o prefeito de Candeias para uma definição do Poder Executivo Municipal das pautas da campanha salarial. Entretanto, o gestor não estava presente.

“Temos enviado ofícios solicitando reuniões com o prefeito sobre a campanha salarial e não tivemos respostas. Alguns secretários sentaram conosco, mas nada andou. A prefeitura apenas informa que analisará a pauta, mas não dá resposta. Não temos nada de concreto e, por isso, iremos à assembleia para deflagração de greve”, disse Juscelino Santos, presidente do SISEMC. “Hoje viemos nos reunir com o prefeito e ele não estava. Mais uma vez alguns secretários se dispuseram, mas eles não decidem nada e queremos decisões. A nossa posição no momento é pelo indicativo de greve”, completou o sindicalista.

Pauta permanece sem respostas

Até o momento não houve resposta da prefeitura sobre a pauta, inclusive sobre o índice de 17% de reajuste nos salários. Desde outubro passado o sindicato tenta negociar com a prefeitura acerca das reivindicações em defesa dos direitos dos servidores. Em janeiro, secretários municipais receberam o sindicato por duas vezes, mas as conversas não foram exitosas sobre nenhum tema da pauta e nenhum posicionamento do Poder Público foi exposto. A data-base do sindicato é 1º de janeiro e os reajustes deverão ser retroativos.

No último dia 12 de janeiro o SISEMC conseguiu agendar o início das negociações com o Poder Público. No dia 15, o secretário de Governo e Gestão, Jário Silva, e o secretário de Administração, Carlos Guedes Ferreira, reuniram-se com a diretoria do SISEMC e outros representantes dos trabalhadores para iniciar as tratativas.

“Nas primeiras tratativas muito pouco foi aproveitado e foi marcada uma segunda reunião e após a prefeitura não apresentar nenhuma contraproposta decidimos pela assembleia para deixar os servidores a par da situação”, disse Juscelino.

No último dia 22 de janeiro foi realizada a segunda reunião com representantes da prefeitura para tratar do assunto e nenhuma contraproposta foi apresentada pelo Poder Público. Estiveram presentes, além do presidente do SISEMC, Juscelino Santos, servidores, diretores do sindicato e os secretários municipais Jário Silva (secretário de Governo), Carlos Guedes (Administração) e Camilo Pinto (Finanças). Além do reajuste salarial, mais temas da pauta de reivindicações foram tratados (ver pauta em box abaixo).

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]