Savlador: Campanha denuncia prefeito ACM Neto por falta de pagamento dos direitos autorais de músicas

Prefeito ACM Neto é acusado de violar direitos autoriais de compositores. Dívida do município de Salvador é estimada em R$ 30 milhões.

Prefeito ACM Neto é acusado de violar direitos autoriais de compositores. Dívida do município de Salvador é estimada em R$ 30 milhões.

Na página da rede social Instagram, o cantor Caetano Veloso criticou o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), pela falta de pagamento dos direitos autorias de músicas executadas em eventos promovidos pelo município.

— Salvador foi eleita a “cidade da música” pela Unesco e é a capital brasileira que mais promove festas e eventos ao longo do ano. Porém, a prefeitura da cidade é desrespeitosa e prejudicial com os autores, pois os direitos autorais de eventos públicos, como o Carnaval e o Réveillon, não são pagos devidamente. — Diz Caetano Veloso

Segundo o artista, o débito há dois anos era de cerca de R$ 30 milhões. Em 2014, foi proposto que a prefeitura pagasse R$ 8 milhões, mas a proposta foi recusada pelo prefeito ACM Neto.

O Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (ECAD) moveu inúmeras ações e continua acionando a gestão de ACM Neto e tentando um diálogo. Porém, a prefeitura não se dispõe a negociar, comentou Caetano Veloso.

Caetano Veloso conclui a postagem declarando: “Precisamos nos mobilizar para enfrentar esse absurdo. A pressão é fundamental para revertermos esse quadro.”.

A publicação ocorreu em 29 de janeiro de 2018.

Denúncia

Além de Caetano Veloso, diversos artistas apoiaram o protesto. Um dos primeiros a denunciar o desrespeito promovido pela gestão do prefeito ACM Neto com relação a produção dos artistas foi o conselheiro União Brasileira de Compositores (UBC) Manno Góes.

Confira vídeo

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: [email protected]