+ Manchetes >

Salvador: Ilê Aiyê homenageia o centenário de Mandela durante três dias de Carnaval

Jéssica dos Santos com as princesas do Ilê Aiyê.

Jéssica dos Santos com as princesas do Ilê Aiyê.

Considerado um dos mais importantes heróis dessa geração, Nelson Mandela será homenageado durante o desfile do bloco afro mais antigo do Brasil no Carnaval de Salvador. Com o tema “Mandela. A Azânia celebra o centenário de seu Madiba”, este ano, o Ilê Aiyê lança seu olhar, mais uma vez, para África e direciona seus três dias de desfile para ressaltar a importância e contribuição desta personalidade que é tida com Pai da Nação. “Não se trata de um homem normal. Mandela é uma instituição que merece ser celebrada diariamente”, destaca Antonio Carlos Vovô, presidente do Ilê.

O objetivo do bloco que inicia seu desfile no sábado (10), com a sua tradicional saída no Curuzu, no circuito Mãe Hilda (ladeira do Curuzu ao Plano Inclinado da Liberdade), é contar e cantar a trajetória de luta e resistência desse grande líder africano em sua batalha contra o Apartheid e luta pela unificação do país. “Seu trabalho é de fundamental importância para o Ilê Aiyê que, desde a sua fundação, tem como objetivo narrar histórias do povo negro, para que através da consciência e educação conheçamos a nossa verdadeira história”, conta Vovô.

O tradicional cortejo acontece às 21h, com concentração a partir das 20h, em meio a uma cerimônia religiosa presidida pela mãe de santo Hildelice Benta, ialorixá do Terreiro Ilê Axé Jitolu. ​Logo após a chegada no Plano Inclinado, o bloco segue para o Corredor da Vitória, onde inicia o seu primeiro desfile no circuito Osmar (Campo Grande), às 2h da madrugada do domingo (11), em direção a Praça da Piedade.

Já na segunda (12) e na terça-feira (13) de Carnaval, o Ilê Aiyê leva o seu espetáculo cênico-musical para o circuito Osmar. Comandado pelo som marcante da Band’Aiyê, o bloco sai acompanhado de um cortejo comemorativo ao tema do Carnaval com destaque para a chegada do carro que se transforma em um verdadeiro altar para a recém eleita Deusa do Ébano 2018, Jéssica Nascimento. Este ano, mais uma vez, a Deusa vem acompanhada das princesas. As eleitas foram Milena Sampaio Nascimento (2º lugar) e Lorena Matos dos Santos (3º lugar).

Em seguida quem toma a avenida é a ala de canto do Ilê Aiyê com os seus  quatro vocalistas: Jauncy Ojum Bará, Iracema Kilyanne, Iana Marucha e Juarez, que neste Carnaval convidam Graça Onasilê (ex-vocalista do Ilê) e Dhanda da Hora (ex-dançarina do Ilê). Juntos, eles vão animar e encantar os foliões ao apresentar seu festejado repertório com as canções que celebram a história do Mais Belo dos Belos.  E para fechar o desfile à altura,  o Ilê leva para Avenida 60 músicos que vão compor a ala de percussão da sua luxuosa Band’Aiyê.

Agenda

1º Dia – 10/02/18 (Sábado)

Circuito Mãe Hilda.

Primeiro desfile: Concentração no Curuzu (20h às 21h), seguindo até Plano Inclinado da Liberdade.

Segundo desfile: a partir de 2h da madrugada de domingo (11/02), saindo da Vitória  em direção a Piedade.

2º Dia – 12/02/18 (Segunda)

Circuito  Osmar

Concentração às 18h na Araújo Pinho (Canela)

Saída prevista: 19h

3º Dia – 13/02/18 (Terça-feira)

Circuito  Osmar

Concentração às 18h na Araújo Pinho (Canela)

Saída prevista: 19h

TEMA: “Mandela. A Azânia celebra o centenário de seu Madiba”

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]