Carnaval 2018 – Salvador: Bombeiros distribuem pulseiras de identificação para crianças

Integrantes do GMAR fizeram a distribuição das peças na praia do Porto da Barra, em Salvador

Quem nunca presenciou uma criança perdida nas praias de Salvador? Com o objetivo de evitar com que isso aconteça, e caso ocorra, os pais ou responsáveis possam ser localizados facilmente, o Corpo de Bombeiros Militar está distribuindo pulseiras de identificação nas praias da cidade. Além dos dados, a peça de plástico é resistente a água e ainda reutilizável.

De acordo com a major Ana Fausta, comandante do Grupamento Marítimo dos Bombeiros, com essa iniciativa, a corporação visa a conscientizar os pais e responsáveis para a atenção que precisam ter com seus filhos, e também evitar que crianças fiquem perdidas por muito tempo. “Estamos sempre alertas e procurando colaborar com as pessoas que chegam às praias em busca de diversão, com as crianças”, afirmou a major, lembrando que, além do Porto da Barra, a distribuição está sendo feita em Ondina, Farol da Barra e Itapuan.

A turista de São Paulo Lene Mendes, 64 anos, classificou a iniciativa como “maravilhosa”. Ela veio curtir o Carnaval de Salvador junto com toda a família. “Quando vi a bombeira distribuindo a pulseira, vim correndo para pegar para meus dois netos”, disse Mendes.

“Já vi muita gente desesperada procurando os filhos em praia”, lembra o bancário de Feira de Santana, Hermann Koehne. Para ele, o Corpo de Bombeiros está de parabéns pela ação. “Muito válido, ajuda muito caso ocorra algum imprevisto, mas isso não substitui a atenção plena que os pais precisam ter com os filhos, seja na praia ou em qualquer lugar”, define Koehne.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: [email protected]