STJ nega anulação da transferência do ex-governador Sérgio Cabral para presídio em Curitiba

Ministro Humberto Martins nega anulação da transferência do ex-governador Sérgio Cabral para presídio em Curitiba.

Ministro Humberto Martins nega anulação da transferência do ex-governador Sérgio Cabral para presídio em Curitiba.

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Humberto Martins negou nesta terça-feira (30/01/2018) pedido do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral para permanecer preso no sistema prisional da capital fluminense.

Na decisão, o magistrado entendeu que não houve ilegalidade no entendimento do juiz Sérgio Moro, que determinou a transferência de Cabral para um presídio em Curitiba.

Ao transferir o ex-governador para o Paraná, Moro atendeu a pedido do Ministério Público Federal (MPF), diante da constatação de regalias a Cabral em um presídio no Rio de Janeiro. O ex-governador é réu em 20 processos e está preso preventivamente por acusações de corrupção.

A Polícia Federal (PF) usou algemas nas mãos e nos pés de Cabral durante a transferência, o que levou Moro a cobrar explicações da corporação. A PF justificou o uso dos equipamentos como medida para garantia da segurança da operação.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]