Salvador: Banda Motumbá promove ‘Encontro de Carnaval’

Cantor, compositor e instrumentista Alexandre Guedes.

Cantor, compositor e instrumentista Alexandre Guedes.

A força da percussão afro-brasileira em equilíbrio com a harmonia dos ritmos caribenhos vai dar o tom na próxima sexta-feira (26/01/2018), no Encontro de Carnava​l​. Com a banda Motumbá como anfitriã, a festa acontece a partir das 19 horas no Largo Pedro Arcanjo, aberta ao público. O evento é uma iniciativa da MP Produções Artísticas.

Semeada em meio à riqueza das manifestações culturais da Bahia, vem da mistura de elementos musicais a inspiração para o nascimento da banda Motumbá. Criada há mais de 12 anos, a atração aposta em instrumentos de percussão com suas batidas inconfundíveis e calorosas, que aliados aos outros instrumentos, formando um som melódico e diferenciado.

À frente do grupo, o cantor, compositor e instrumentista Alexandre Guedes alia a experiência de uma trajetória artística de mais de 20 anos à energia de quem vivencia a arte em constante renovação. “A Motumbá nasceu com a proposta de criar uma linguagem musical que incorporasse elementos de nossa cultura. Ao mesmo tempo, queremos transmitir uma mensagem de paz e boas vibrações”, explica o músico.

Com inspiração na percussão de matriz africana e nos sambas de raiz e no merengue, ritmos que acompanham Alexandre Guedes desde a infância no bairro do Candeal, foi concebida a identidade sonora da Motumbá: afro-pop-caribenha. “O afro e o samba vêm da raiz, o pop, da diversidade, e o caribenho, da salsa e do merengue, que juntos resultaram no que chamamos de groove percussivo”, define Guedes.

A escolha de cada instrumento musical utilizado pela Motumbá é afinada com a proposta da banda. Atabaques, djembês e klongs representam a cultura afro-brasileira. As tamburicas, malacachetas e caixas, tradicionais das escolas de samba, trazem para o universo musical do grupo o ritmo sonoro brasileiro por excelência

Do primeiro sucesso, o merengue Bororó, passando pelo suingue de Pra Balançar de Novo, de Bahia África, Na Mala, Meu Tambor e a leveza de Jangadeiro, assim como composições mais recentes como Parakundê, Sou do Malê e Jererê – música de trabalho, a banda reafirma o compromisso em representar a diversidade cultural baiana através da música.

O reconhecimento pelo trabalho do grupo está na voz do público que entoa as canções da banda e em premiações como o Troféu Dodô & Osmar, que elege anualmente os melhores do Carnaval baiano. Em 2007, em sua primeira folia momesca em Salvador, a Motumbá concorreu nas categorias Melhor Música do Carnaval – com o sucesso Bororó, além de Banda e Cantor Revelação. Garantiu o prêmio nas duas últimas.

Agenda

Onde: Largo Pedro Arcanjo – Pelourinho

Quando: 26 de Janeiro de 2018 – 19 horas

Com quem​: ​Banda Motumbá

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]