Com mais cinco prisões polícia encerra quadrilha de roubo a banco; prisões ocorreram em Feira de Santana

Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP Bahia) divulga imagem de presos. Entre os capturados estão Thiago e Diógenes que entraram em confronto com as forças de segurança.

Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP Bahia) divulga imagem de presos. Entre os capturados estão Thiago e Diógenes que entraram em confronto com as forças de segurança.

Equipes da Polícia Civil encerraram as ações de uma quadrilha de assaltantes de banco quando prenderam, na tarde de sábado (13/01/2018), em Feira de Santana, mais cinco criminosos. O quinteto foi localizado após a captura, anteontem, de uma dupla de ladrões (Kelson e Magnun), natural de Rondônia.

Entre os presos estão Thiago Carneiro de Carvalho e Diógenes Teles Milcent Pereira que entraram em confronto com as forças de segurança e conseguiram escapar momentâneamente. Completam a quadrilha e lista de capturados Francisco José Silva Carneiro de Assis Andrade, Jislane Santos Barbosa e Eli Carolina Moreira Amparo.

Na residência utilizada pelo bando, localizada no bairro Vila Olímpia, foram encontrados cerca de R$ 1 mil (cédulas manchadas por dispositivo de segurança da agência em Alagoinhas), 800 folhas de cheques em branco do Banco do Brasil e dois documentos de identidade falsos.

Participaram da desarticulação total da quadrilha efetivos da Coordenação de Operações Especiais (COE), 1ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Feira de Santana), Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR/Feira de Santana) e Rondas Especiais (Rondesp) Leste.

“Ponto final para esta organização criminosa. No total foram sete criminosos tirados de circulação. Esperamos que permaneçam por bastante tempo atrás das grades” declarou do diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), delegado Flávio Góis.

COE da PC desarticula bando e recupera R$ 13 mil roubados em banco

Horas depois de um grupo criminoso, que roubou carro-forte em Juazeiro, ter sido desmontado, na divisa da Bahia e Pernambuco, uma operação realizada pela Coordenação de Operações Especiais (COE) da Polícia Civil desarticulou outra quadrilha de roubo a banco. Os assaltantes estavam escondidos, na cidade de Feira de Santana e foram localizados, na noite de sexta-feira (12/01/2018).

Com apoio de equipes da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR) e das Rondas Especiais (Rondesp) Leste dois bandidos foram presos em flagrante. Kelson Lucas Damazio de Souza e Magnun Pereira da Silva, naturais de Rondônia e ambos usando documentos falsos, assumiram participação em um roubo a banco, na cidade de Alagoinhas, no dia 7 de janeiro deste ano.

Eles e mais dois comparsas (Thiago Carneiro de Carvalho e Diogenes Teles Milcent Pereira), que trocaram tiros com os policiais e fugiram a pé, usaram maçaricos para cortar o cofre. Em dois veículos apreendidos com a quadrilha foram encontrados R$ 13 mil, algumas cédulas queimadas, celulares, entre outros materiais.

“Mais uma demonstração de integração e força da polícia baiana. Foram duas ações exitosas com prisões e apreensões. Reduzimos os roubos a bancos em 2016 e 2017 e a pegada continuará firme este ano”, avisou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

Acrescentou ainda a importância da participação da COE. “Unidade de excelência, com equipe preparada para investigar e agir com precisão. Parabéns a todos os envolvidos”, enfatizou.

PMs da BA e PE e a PF desmontam bando que roubou carro-forte em Juazeiro

Equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Caatinga, da Polícia Federal e da Polícia Militar de Pernambuco desmontaram, na tarde desta sexta-feira (12/01/2018), a quadrilha que explodiu um carro-forte, no dia 28 de dezembro de 2017, na BA-210, em um trecho entre os municípios de Juazeiro e Curaçá. Três criminosos foram localizados, na cidade pernambucana de Petrolina, e com eles apreendidos uma carabina calibre 30, uma pistola ponto 40, um revólver calibre 38, farta munição, dinheiro, dois veículos, entre outros materiais.

A quadrilha vinha sendo acompanhada por investigadores da PF, que, confirmando a localização, montaram a operação em conjunto com as equipes da Caatinga e de Pernambuco. Escondidos na zona rural de Petrolina, no condomínio Haras Pé de Serra I, Roque Alves Godin, o ‘Boy’, José Carlos de Barros, mais conhecido como ‘Quina’, ambos com mandados de prisão em aberto, e Aldenor Manoel de Aquino reagiram à abordagem, foram atingidos, socorridos, mas não resistiram. O trio, natural de Pernambuco, foi autor também de um roubo ao banco Bradesco, na cidade pernambucana de Santa Filomena.

“Colocamos as Cipes espalhadas pelo interior do estado com o intuito de bater de frente com essas quadrilhas que atuam roubando instituições financeiras. Eles, na maioria das vezes, reagem e a resposta tem de ser firme e proporcional”, declarou o comandante do Policiamento Especializado (CPE) da Polícia Militar, coronel Humberto Sturaro. O oficial destacou também a dedicação e empenho das tropas que estão sempre prontas para qualquer missão. Todo o material apreendido foi encaminhado para a Delegacia da PF, em Juazeiro.

*Com informações da Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP Bahia).

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]