Boeing também quer comprar divisão militar da Embraer

Linha de montagem do avião militar KC-390 da Embraer. O governo Temer  é contra a transferência do controle total da Embraer para outra empresa e, para isso, pode usar a chamada “golden share”, ação de classe especial da qual é detentor e que garante poder de veto em decisões estratégicas, como as da fabricante brasileira de aviões.

Linha de montagem do avião militar KC-390 da Embraer. O governo Temer é contra a transferência do controle total da Embraer para outra empresa e, para isso, pode usar a chamada “golden share”, ação de classe especial da qual é detentor e que garante poder de veto em decisões estratégicas, como as da fabricante brasileira de aviões.

A Boeing também tem interesse na divisão militar da Embraer, que é responsável por projetos estratégicos da defesa brasileira como a construção de seu submarino nuclear e satélites. As informações são da Folha da S. Paulo.

O interesse da empresa dos EUA foi divulgado no fim de 2017 e confirmada pela própria Embraer. À época, o presidente Michel Temer (PMDB) descartou a possibilidade de uma possível transferência de controle da Embraer.

Criada como uma companhia estatal em 1969, o Governo tem a chamada “golden share” na Embraer, ou seja, vendas que ultrapassem 35% precisam de autorização da União.

Com a intenção da Boeing de também adquirir a divisão militar da Embraer, o negócio pode enfrentar dificuldades.

Projetos sensíveis como o desenvolvimento do submarino nuclear brasileiro, o controle de fronteiras realizado pelo Exército e o desenvolvimento de satélites de comunicação são alguns dos projetos estratégicos que envolvem a Embraer.

A área de defesa é responsável por cerca de 20% do faturamento da companhia.

*Com informações da Sputnik Brasil.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]