Vereadores de Feira de Santana repercutem desistência da candidatura de Fernando Torres a deputado estadual

Ewerton Carneiro: não votei em Fernando Torres, mas vejo a desistência dele como uma perda muito forte para o Município.

Ewerton Carneiro: não votei em Fernando Torres, mas vejo a desistência dele como uma perda muito forte para o Município.

Em pronunciamento, na sessão ordinária desta terça-feira (05/12/2017), na Casa Legislativa de Feira de Santana, o vereador Ewerton Carneiro (Tom, PEN), repercutiu a desistência da candidatura de Fernando Torres (PSD) para deputado estadual e reafirmou sua pré-candidatura para o mesmo cargo.

“Não votei em Fernando Torres, mas vejo a desistência dele como uma perda muito forte para o Município, pois deixa de ter uma grande representação para nossa cidade, visto que foi ainda secretário estadual. Fico mais triste ainda quando vejo que Fernando Torres é um homem público íntegro e não tem o nome manchado em ficha da Polícia Federal. Fernando é ficha limpa e quem perde é Feira de Santana. Deixo aqui minhas palavras de apoio para ele, pois conhece os motivos dessa desistência e dizer que sempre que precisar estarei aqui”, pontuou Tom.

E o edil reafirmou que é pré-candidato a deputado estadual e desmentiu boatos de que irá se aliar à base do Governo do Estado para o próximo pleito. Segundo Tom, apesar da política de Feira de Santana ser bastante dinâmica, ele prefere caminhar com quem está e com quem abriu as portas para ele na política. “Minha candidatura está firme e forte, não tenho dúvidas de que Deus está comigo e vou continuar trabalhando por Feira e pela Bahia. Estão saindo boatos de que estou indo para a base do Governo do Estado. Quero afirmar que, neste exato momento, não fiz nenhuma aliança política com ninguém. Não fiz compromisso com ninguém”, garantiu.

E continuou. “Estou sendo muito criticado porque estou visitando e conversando com políticos da oposição, mas quero deixar claro que não existe a possibilidade de apoiar um candidato de oposição, como estão especulando. Se quando eu estava sem mandato, que estava fragilizado, a oposição não me aproveitou; não fará isso agora que tenho mandato. Penso que o princípio da lealdade deve prevalecer. O prefeito José Ronaldo abriu as portas para mim, então quero honrar quem me honrou. Do lado de lá ninguém me honrou. Em 2018 quero caminhar com quem estou”, revelou.

Edvaldo Lima lamenta que Fernando Torres tenha desistido de candidatura

No uso da tribuna, na sessão ordinária desta terça-feira (05), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Edvaldo Lima (PP) repercutiu a informação de que o deputado federal Fernando Torres (PSD) não disputará as eleições de 2018 para deputado estadual, como cogitado.

“Tomei como surpresa no dia de hoje quando soube que o meu deputado federal, Fernando Torres, que não será mais candidato a deputado estadual. Digo que a política do nosso país, baiana e feirense perderá um grande nome a partir de 31 de dezembro quando termina o mandato do deputado Fernando Torres. Feira de Santana perde muito, pois Fernando teve seu mandato pautado na defesa do Município, do Estado e do país. Ele sempre destinou verbas para o benefício da sociedade feirense e outras cidades do Estado, sem contar com a ajuda que deu a vários prefeitos”, pontuou Edvaldo.

O edil afirmou ainda que o deputado Fernando Torres garantiu que não estará deixando a política. “Mesmo assim, tenho observado que muitas pessoas de bem estão se afastando da política e isso é ruim. A população está vivendo um momento de descrédito na política. Quando uma pessoa de bem deixa a política o país perde. Ele disse que terminará o mandato, não irá se candidatar, mas não sairá da política. Fico sentido, pois é um excelente parlamentar”, findou.

José Menezes lamenta desistência de Fernando Torres de se candidatar em 2018

Durante pronunciamento na sessão ordinária desta terça-feira (05), na Casa Legislativa, o vereador José Menezes Santa Rosa (Zé Filé, PROS) lamentou a desistência do deputado federal Fernando Torres (PSD) de se candidatar a deputado estadual nas eleições de 2018. Para Zé Filé, Feira de Santana perde um importante representante na política. O edil desejou boa sorte a Torres em seus novos projetos.

“Fico sentido porque já estava trabalhando o nome do deputado para o pleito de 2018. Mas, Fernando Torres já havia manifestado o desejo de descansar um pouco e se preparar para 2020 e resolveu ficar de fora da próxima eleição. Quem sabe em 2020 Feira de Santana se renova e elege um novo prefeito?”, destacou.

Na oportunidade, o vereador do PROS pontuou o currículo político de Fernando Torres, destacando sua passagem pela Câmara Municipal de Feira de Santana e Assembleia Legislativa da Bahia, por dois mandatos. “Um homem íntegro, que nunca se envolveu em   nenhum escândalo de corrupção”, ressaltou.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]