Lançamento do Livro ‘O teatro que Corre nas Vias’ é realizado no Palacete das Artes, em Salvador

Cartaz anuncia lançamento do livro 'O Teatro que Corre nas Vias'.

Cartaz anuncia lançamento do livro ‘O Teatro que Corre nas Vias’.

Com a união de teoria e prática, a pesquisa de doutorado de Marcelo Sousa Brito, O Teatro que Corre nas Vias, resulta no lançamento de seu segundo livro na área de Artes Cênicas, pela Edufba, nesta terça-feira (12/12/2017), das 17 às 20 horas, no Palacete das Artes – Graça, em Salvador.

A obra pretende relacionar teatro e lugar com uma abordagem fenomenológica. “A escolha do conceito de lugar possibilitou um recorte mais específico, principalmente por ser no lugar onde encontramos com mais intensidade o sentido de pertencimento, de experiência e afeto”, revela Brito, que contou com o apoio de autores da área de geografia para chegar à criação/construção de conceitos como corpo-lugar, lugar-cênico, intervenção viária, além de apresentar a noção de teatricidade, como essência das relações artista-cidadão/espaço urbano e teatro/cidade.

Durante o processo de construção do doutorado, pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), com orientação de Eliene Benício, foram levadas em conta algumas práticas como ator e diretor de teatro, realizadas em Salvador, Fortaleza, Campinas (SP) e na Europa, em Paris. “Autores da geografia, da fenomenologia e do teatro dão suporte para a aplicação desses conceitos e para a consecução de uma metodologia experimental na qual esses conceitos, categoria e essência, foram norteadores da pesquisa” -detalha o pesquisador.

O objetivo foi, portanto, refletir como a arte urbana – especialmente o teatro – se apropria dos lugares que as cidades oferecem enquanto potencialidade, buscando, para isso, elementos de apoio no teatro de rua e nas novas linguagens, como a performance, a intervenção urbana e o happening, bem como nos espetáculos em espaços não convencionais.

Como possibilidade de atualizar o debate, foram consultados oito entrevistados, artistas-pesquisadores, com experiência comprovada no que concerne à relação teatro-cidade. Entre eles Amir Haddad (Tá na Rua – RJ), Roberto Audio (Teatro da Vertigem – SP), Tânia Farias (Óinóis aqui traveiz – RS), Raquel ScottiHirson (Lume – SP), Tiche Viana (Barracão – SP), André Carreira (Experiência Subterrânea – SC), Francis Wilker Carvalho (Teatro do Concreto – DF) e Maria Rosa Marinho Menezes (Unilab – CE).

Ainda como parte do processo empírico, atores baianos como Márcia Andrade, Tatiane Carcanhollo, Mirella Matos Sales, Ia Santaché, Amós Heber e o bailarino Dejalmir Melo foram convocados a participar de experiências práticas na cidade de Salvador como uma maneira de elaborar a metodologia necessária para se chegar a lugares-cênicos, contribuindo com o desenvolvimento da premissa de que o artista, ao deslocar seu corpo-lugar, se apropriando dos lugares através de intervenções viárias, pode produzir na cidade lugares-cênicos. Foram realizadas duas intervenções viárias em Salvador, aplicando e aprofundando processualmente a metodologia experimental desenvolvida.

“Viver, ocupar, habitar e jogar com a cidade extrapola a ação artística no momento em que o artista, cidadão que é, inclui o público como parte integrante na construção dessa dramaturgia que precisa ser escrita a cada dia, a cada nascer do sol, valorizando o cotidiano como um fenômeno para a escrita de uma história partilhada por todos que ali vivem, no lugar”, conclui Marcelo.

Agenda

Quando: 12 de dezembro de 2017, das 17 às 20 horas

Onde: Palacete das Artes, em Salvador

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]