+ Manchetes >

Governador Rui Costa libera R$ 600 milhões e enterra pretensões políticas de ACM Neto, diz Robinson Almeida

Em nota encaminhada nesta quinta-feira (29/12/2017) ao Jornal Grande Bahia (JGB), o ex-secretário estadual de Comunicação da Bahia e pré-candidato a deputado estadual Robinson Almeida (PT) comentou sobre a liberação do empréstimo financeiro, requisitado pelo Governador Rui Costa, no valor de R$ 600 milhões. Robinson Almeida destaca a derrota da perversão protagonizada pelo prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), avaliando que ela “sepultada pretensões políticas do prefeito para 2018′.

O bloqueio político do empréstimo de R$ 600 milhões ocorreu a partir da perversa articulação de ACM Neto (DEM), prefeito de Salvador e Rodrigo Maia (DEM), presidente da Câmara dos deputados, e contou como o apoio do presidente Michel Temer (PMDB). O fato foi denunciado por políticos da base do Governo Rui Costa.

Confira o teor da nota de Robinson Almeida

Obrigado por decisão judicial, impetrada pelo governo da Bahia, o Banco do Brasil realizou hoje (28/12) o depósito de R$ 600 milhões nas contas do tesouro estadual.

Foi uma batalha de seis meses travada contra a perseguição à Bahia. O presidente Temer e o prefeito de Salvador, ACM Neto, comandaram o ato covarde de bloquear o empréstimo destinado a recuperação de estradas, infraestrutura e educação.

Derrotado pelo governador Rui Costa nessa batalha entre a nova e a velha política, ACM Neto tem sepultadas suas pretensões políticas para 2018. Além de ter que explicar a aliança com Temer para perseguir a Bahia, Neto verá a avaliação do governo Rui subir ainda mais com as obras realizadas com esse recurso liberado.

Entrou água na candidatura do DEM.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]