Vereador pede cancelamento de Título de Cidadã Feirense concedido à ministra Luislinda Valois

Edvaldo Lima: ela desrespeitou o trabalhador brasileiro que sobrevive com apenas um salário mínimo.

Edvaldo Lima: ela desrespeitou o trabalhador brasileiro que sobrevive com apenas um salário mínimo.

No uso da tribuna da Casa Legislativa de Feira de Santana, na sessão ordinária desta terça-feira (07/11/2017), o vereador Edvaldo Lima (PP) solicitou o cancelamento do Título de Cidadã Feirense concedido à ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Dias de Valois Santos, natural da cidade de Salvador-Bahia. De acordo com o vereador, a ministra desrespeitou os trabalhadores brasileiros ao requerer salário mensal acima do teto de R$ 61 mil.

“Esta Casa aprovou a concessão do título, de autoria do vereador Isaías de Diogo para a ministra Luislinda Valois e eu peço que cancele a concessão dessa honraria. Ela desrespeitou o trabalhador brasileiro que sobrevive com apenas um salário mínimo”, afirmou.

Na oportunidade, o edil questionou a atuação da Polícia Militar nas operações de fiscalização de trânsito no município de Feira de Santana. “O Código de Trânsito Brasileiro, em 1997, disse que a Polícia Militar não tem direito de fiscalizar e patrulhar o trânsito. O trânsito em Feira de Santana deve ser fiscalizado pela SMT”, disse.

 

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]