Vendedor clandestino de armas é preso em flagrante em Ipirá

Materiais apreendidos pela Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Chapada, em Ipirá.

Materiais apreendidos pela Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Chapada, em Ipirá.

O comerciante Gilson Santana de Almeida foi capturado em flagrante por unidades da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Chapada, no povoado de João Amaro, localidade conhecida como ‘Beco do Tiro’, no município de Ipirá, distante 202 quilômetros da capital. Em seu boteco, chamado Bar Ipirá, Gilson vendia, além de bebidas, armas e munições de grosso calibre.

No estabelecimento os policiais apreenderam um revólver calibre 38, uma espingarda calibre 36, 11 munições para calibre 38, três para calibre .44, cinco munições e dois cartuchos para calibre 20, quatro munições e dois catuchos para calibre 32, cinco cartuchos para calibre 25 e um calibre 36, quatro coldres – suporte para carregar armas -, um porta munição, uma luneta e R$ 60. No bolso de Gilson, a polícia também encontrou uma pistola tipo bereta, calibre 6.35, municiada.

As unidades chegaram ao criminoso após receberem denúncias de moradores que perceberam uma estranha movimentação no ponto comercial. Segundo o comandante da Cipe/Chapada, major Ricardo Passos, essa ação exemplificou a importância do apoio da população no combate à criminalidade. “O cidadão tem contribuído com os nossos serviços”, finalizou.

A população pode continuar colaborando com o trabalho das forças da Segurança Pública através do Disque Denúncia no telefone 181 ou via 190.

*Com informações da Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP Bahia).

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]