+ Manchetes >

Feira de Santana: vereador trata sobre indicação e situação política do Brasil

Antônio Carlos (Carlito do Peixe): muitos que fazem parte da administração estão envolvidos em corrupção.

Antônio Carlos (Carlito do Peixe): muitos que fazem parte da administração estão envolvidos em corrupção.

No uso da tribuna, na sessão ordinária desta terça-feira (17/10/2017), na Câmara Municipal de de Feira de Santana, o vereador Antônio Carlos Passos Ataíde (Carlito do Peixe, DEM) relatou visita feita por ele a duas localidades e tratou sobre a atual situação política do país, inclusive sobre um Projeto de Lei em tramitação no Congresso Nacional, que visa acompanhar o desempenho do funcionário público.

“Fui convidado para uma reunião com moradores do Conjunto Luiz Eduardo Magalhães e Recanto dos Pássaros. Na oportunidade, fui levado até o leito do canal que liga o bairro Irmão Dulce ao bairro 35º BI, que passa por essas localidades, onde vi que o mato está tomando conta do lugar. Por conta das chuvas o matagal está crescendo muito rápido ajudando na proliferação de insetos. De pronto solicitei a limpeza ao secretário Justiniano França, que já colocou máquinas para trabalhar no local”, relatou Carlito.

Ainda no uso da tribuna, o edil chamou a atenção dos funcionários públicos das três esferas para um Projeto de Lei que tramita no Congresso Nacional. “Tem como objetivo acompanhar o desempenho dos funcionários públicos federais, estaduais e municipais. Ele já se encontra na CCJ e se passar irá para votação. Caso seja aprovado as esferas irão criar órgãos para acompanhar esses funcionários e caso não desempenhem bem suas funções serão exonerados. Este PL ficou parado durante os governos Lula e Dilma, mas agora está caminhando e são muitos servidores na mira dos que têm interesse na aprovação da matéria”, pontuou.

Carlito também tratou sobre a atual situação política do país. Ele lembrou que o presidente Temer está sendo denunciado pela segunda vez e para se livrar está adotando manobras dentro do Congresso. “Ele está propondo que as emendas que seriam liberadas ano que vem sejam liberadas antes das eleições. É uma forma de mostra que o presidente está fragilizado. Ele anseia que esta denúncia seja rejeitada como a primeira para que possa ficar no mandato até 2018”, observou.

O edil falou mais que lamenta as decisões adotadas pelo Governo para que o presidente se mantenha no poder. “Muitos que fazem parte da administração estão envolvidos em corrupção. Infelizmente, os recursos estão sendo usados para beneficiar o Governo, porém uma forma pesada de negociar. Vejo que o país está buscando respirar um pouco neste momento de crise. Vejo o ministro Meireles tentando equilibrar a economia, o que não deve se misturar com a política”, avaliou.

Para finalizar, Carlito disse ter esperança que o país saia dessa crise. “Vejo que o país está voltando a respirar e aos poucos saindo da recessão. Até mesmo os parlamentares entendem que o país não pode mais viver assim. Se melhora a crise, cai o número de desempregados e o Brasil não viverá mais nesta situação vexatória. Porém, entendo que vamos nos livrar de tudo isso assim que terminar o mandato do presidente Temer, que deve deixar a Presidência e ir para os bancos dos réus”, findou.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]