+ Manchetes >

Políticos emitem nota de pesar em memória de Marco Aurélio Garcia, assessor especial para assuntos internacionais dos governos Lula e Dilma

Marco Aurélio Garcia (Porto Alegre, 22 de junho de 1941 — 20 de julho de 2017) foi um político brasileiro filiado ao Partido dos Trabalhadores (PT). Foi professor aposentado do Departamento de História da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e historicamente vinculado à esquerda. Ocupou o cargo de assessor especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais nos governos Lula e Dilma Rousseff.

Marco Aurélio Garcia (Porto Alegre, 22 de junho de 1941 — 20 de julho de 2017) foi um político brasileiro filiado ao Partido dos Trabalhadores (PT). Foi professor aposentado do Departamento de História da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e historicamente vinculado à esquerda. Ocupou o cargo de assessor especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais nos governos Lula e Dilma Rousseff.

Marco Aurélio Garcia deixou importante legado, diz secretário estadual Jaques Wagner

O secretário de Desenvolvimento Econômico da Bahia Jaques Wagner lamentou a morte do ex-assessor especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais dos governos Lula e Dilma, Marco Aurélio Garcia. Vítima de um infarto, ele tinha 76 anos. Foi fundador do PT e era professor de história aposentado pela Unicamp.

“Sua atuação no governo foi brilhante. O fortalecimento da nossa imagem do cenário mundial e o reconhecimento do Brasil como uma das principais vozes mediadoras do planeta foi seu grande legado. Idealizador dos BRICS, das Relações Sul-Sul, várias iniciativas suas serão encaradas, daqui a 100 anos, como a estreia do Brasil como player no mundo. O PT perde um companheiro, o país um grande quadro, o sonho de um mundo mais igual perde um dos seus maiores militantes”, disse.

Nota de pesar do deputado federal Robinson Almeida pela morte de Marco Aurélio Garcia

Hoje a humanidade perdeu um grande pensador do Brasil, um intelectual orgânico das lutas do nosso povo. Defensor de uma política voltada para o bem estar social e igualdade de direitos, Marco Aurélio se notabilizou na construção do PT e na organização da alternativa democrática e popular para o País, que resultou nos governos Lula e Dilma.

Marco Aurélio trouxe um ganho imensurável para a política externa brasileira quando esteve à frente do cargo de Assessor Especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais.

Meu imenso pesar pela perda desse grande companheiro de luta. Meus sentimentos à família e amigos.

Marco Aurélio Garcia, Presente!

Nota de pesar: Marco Aurélio Garcia, intelectual brilhante e militante incansável

Marco Aurélio Garcia foi um intelectual brilhante e um militante incansável, desde a juventude. Fundador e ex-presidente do Partido dos Trabalhadores, assessor especial da Presidência da República, professor, contribuiu muito para o Brasil com sua capacidade de formulação teórica e, igualmente, pela articulação política que tecia de maneira respeitosa e não sectária.

Apaixonada pela ideia de integração da América Latina, foi interlocutor assíduo e qualificado das diversas forças democráticas do continente. A credibilidade política e pessoal por ele alcançada permitiu que Marco Aurélio Garcia desempenhasse, em sintonia com o Itamaraty, relevante papel na construção e execução de uma nova política externa, ativa e altiva, soberana e fraterna, com um legado que é reconhecido internacionalmente e hoje faz falta para o Brasil.

Nossa solidariedade aos familiares e amigos de Marco Aurélio Garcia.

Instituto Lula

Dilma Rousseff: Meu amigo querido, Marco Aurélio Garcia

A morte do professor Marco Aurélio Garcia, meu amigo querido, é extremamente dolorosa. Desfrutei pela última vez de sua companhia há três semanas. Conversamos sobre a vida e os momentos terríveis que o país atravessa.

Hoje é um dia de dor para todos nós, que compartilhamos com ele seus muitos sonhos, histórias e lutas. Era um amigo querido, de humor fino e contagiante, sempre generoso e cheio de ideias, dono de uma mente arguta e brilhante.

Meus sentimentos ao filho Leon, ao neto adorado Benjamin, aos familiares e todos os seus amigos.

É muito duro saber que não terei mais sua companhia, nem o prazer de ouvir sua poderosa gargalhada.

Um dia terrível para quem luta por um mundo melhor, com justiça social. Um dia muito, muito triste.

Dilma Rousseff

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]