Ex-presidente Dilma Rousseff diz que decisão do juiz Sérgio Moro é um escárnio, que golpistas cumprem roteiro embelecido pela mídia, e que povo resgatará Lula em 2018

Ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff. Dilma Rousseff presta solidariedade ao líder popular e expressa indignação com a decisão do juiz Sérgio Moro.

Ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff. Dilma Rousseff presta solidariedade ao líder popular e expressa indignação com a decisão do juiz Sérgio Moro.

Em nota, emitida nesta quarta-feira (12/07/2017), a ex-presidente Dilma Rousseff criticou severamente a decisão do juiz Sérgio Moro em condenar criminalmente o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Na avaliação de Dilma Rousseff, sem provas, golpistas cumprem o roteiro pautado por setores da grande imprensa. A ex-presidente, declara que “Lula é inocente. E o povo brasileiro saberá democraticamente resgatá-lo em 2018.”.

Confira a nota ‘A condenação de Lula é um escárnio’

A condenação de Luiz Inácio Lula da Silva, sem provas, a 9 anos e seis meses de prisão, é um escárnio. Uma flagrante injustiça e um absurdo jurídico que envergonham o Brasil. Lula é inocente e essa condenação fere profundamente a democracia.

Sem provas, cumprem o roteiro pautado por setores da grande imprensa. Há anos, Lula, o presidente da República mais popular na história do país e um dos mais importantes estadistas do mundo no século 21, vem sofrendo uma perseguição sem quartel.

Ontem, com indignação, assistimos à aprovação pelo Senado do fim da CLT. Uma monumental perda para os trabalhadores brasileiros.

Agora, assistimos essa ignominia que está sendo exercida contra o ex-presidente Lula com o objetivo de cassar seus direitos políticos.

O país não pode aceitar mais este passo na direção do Estado de Exceção.  As garras dos golpistas tentam rasgar a história de um herói do povo brasileiro.  Não conseguirão.

Lula é inocente. E o povo brasileiro saberá democraticamente resgatá-lo em 2018.

Nós iremos resistir.

Dilma Rousseff

Publicidade

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518), Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado da Bahia (SINJORBA), Associação Brasileira de Imprensa (ABI Nacional, Matrícula nº E-002907) e Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).