Deputado Robinson Almeida critica decisão do juiz Sérgio Moro que condenou o ex-presidente Lula; parlamentar diz que magistrado é parcial

Sérgio Fernando Moro.

Atuação do juiz Sérgio Fernando Moro é severamente criticada.

Em discurso — proferido no plenário da Câmara dos Deputados, na quinta-feira (13/07/2017) — o deputado federal Robinson Almeida (PT/BA) criticou severamente a atuação e decisão do juiz Sérgio Moro em condenar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Robinson Almeida classificou Sérgio Moro como um juiz parcial, que atuou de forma persecutória contra o líder popular. “O ex-presidente Lula é inocente, crime é condena-lo sem prova, crime é a parcialidade do julgamento e do processo, crime é rasgar o Estado de Direito Democrático”, afirmou.

O parlamentar lembrou que o juiz federal condenou a 15 anos de prisão o ex-tesoureiro do Partido dos Trabalhadores (PT) João Vaccari Neto e citou que a ilegal decisão foi reformada pelo Tribunal Regional Federal da 4º Região (TRF4).

A decisão

O juiz Sérgio Moro proferiu sentença na quarta-feira (12) condenando o ex-presidente Lula a 9 anos e seis meses de prisão, pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, no caso do tríplex no Guarujá.

Confira vídeo

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: [email protected]