Deputado Carlos Geilson diz que UEFS, ao completar 41 anos, não tem muito o que comemorar

Vista aérea do campi da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS).

Vista aérea do campi da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS).

A Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) completa 41 anos de instalação nesta quarta-feira (31/05/2017). Para o deputado estadual Carlos Geilson (PSDB), que é ex-aluno da instituição, as atuais dificuldades enfrentadas pela unidade de ensino impedem a plena celebração da data.

“A Uefs alcançou o patamar de uma das instituições públicas de ensino superior mais respeitadas do país, porém a atual realidade da instituição não condiz com a importância que ela tem. O que se vê com frequência são greves do pessoal da limpeza e de vigilantes, além de professores e estudantes insatisfeitos. Diante desse quadro, não há muito o que festejar”, declara Geilson.

Nesta terça-feira (30), professores, estudantes e servidores técnicos da Uefs protestaram contra a precarização da unidade de ensino em frente à Prefeitura Municipal. Entre as reivindicações dos manifestantes estão o aumento do orçamento da universidade, recomposição salarial de 30,5%, reajuste linear, retorno do adicional por insalubridade e ampliação da assistência ao estudante.

“A Uefs é um patrimônio da nossa educação. Ela transformou minha vida e a de milhares de pessoas que nela se formaram. Nossa universidade deve ser tratada com mais atenção pelo poder público”, conclui o parlamentar.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: di[email protected]