Câmara Municipal de Feira de Santana aprova moção de repúdio contra vereadora que ofendeu nordestinos

Cadmiel Mascarenhas: É com o espírito acabado, destruído, que vejo uma vereadora com mandato popular, formada em medicina, fazer uso da palavra para descaracterizar o povo nordestino.

Cadmiel Mascarenhas: É com o espírito acabado, destruído, que vejo uma vereadora com mandato popular, formada em medicina, fazer uso da palavra para descaracterizar o povo nordestino.

O plenário da Câmara Municipal de Feira de Santana aprovou nesta quarta-feira (31/05/2017), por unanimidade dos presentes, a moção de repúdio nº344/2017, de autoria do vereador Cadmiel Pereira (PSC), contra a vereadora Eleonora Broilo (PMDB), do município de Farroupilha, que atacou os nordestinos com ofensas do tipo “sabem muito bem se unir para roubar”.

O vereador Edvaldo Lima (PP), em votação à moção parabenizou Cadmiel pelo documento. “Veja como nós, nordestinos, fomos taxados por uma cidadã lá do Rio Grande do Sul. Parabéns vereador Cadmiel, não podemos aceitar. O povo nordestino não pode aceitar este desrespeito que aquela parlamentar atentou contra nós, pois não foi apenas contra a Bahia. Essa vereadora subiu à tribuna e falou que os nordestinos sabiam fazer política muito bem, falou para todos nós que sabemos é roubar, lesar”, disse.

O autor da moção, vereador Cadmiel Pereira (PSC), avaliou como um grande desrespeito o que foi dito pela parlamentar gaúcha. “É com o espírito acabado, destruído, que vejo uma vereadora com mandato popular, formada em medicina, fazer uso da palavra para descaracterizar o povo nordestino. A senhora faz um desserviço para a democracia. É uma vergonha para a humanidade, quando diz em seu discurso infeliz que o nordestino só sabe apoiar o roubo e roubar, foi de uma pobreza de espírito e mostrou que não tem amor ao próximo”, avaliou.

Também se manifestou a respeito da moção, o vereador José Carneiro (PSDB). “Eu sou nordestino com muito orgulho, confesso que ao longo dos anos a gente que é nordestino e aqui se criou, reconhece a dívida que os governantes, em sua maioria, têm para com o povo nordestino, povo que não teve e não tem, até hoje, grandes oportunidades na vida”, observou.

O vereador Roberto Tourinho (PV) também se pronunciou. “É muito normal este sentimento de patriotismo ferido quando uma vereadora, uma pessoa esclarecida, uma médica de formação profissional, possuidora de um mandato eletivo usa a tribuna de uma Casa Legislativa para, de forma gratuita, ofender a uma região do nosso país, ofender a todo um povo e a toda uma gente”, ressaltou.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]