Professores que sofreram desconto de 5 dias por conta da greve receberão pagamento após cumprir reposição de aulas, informa Prefeitura de Feira de Santana

Jayana Ribeiro.

Jayana Ribeiro: O Governo não deseja penalizar o professor. A solução recomendada pelo Ministério Público é a adequada para a situação e a Secretaria de Educação irá cumpri-la.

Os professores da rede municipal que tiveram desconto de cinco dias nos salários de abril, por conta da greve da categoria, vão receber o valor correspondente assim que se inicie o cumprimento do calendário de reposição de aulas. Se não houver imprevistos, o dinheiro estará na conta desses servidores na folha de junho.

A medida é anunciada pela secretária de Educação, Jayana Ribeiro, que atenderá a um entendimento firmado junto ao Ministério Público do Trabalho. A reunião de conciliação com a APLB ocorreu nesta terça-feira (16/05/2017).

“O Governo não deseja penalizar o professor. A solução recomendada pelo Ministério Público é a adequada para a situação e a Secretaria de Educação irá cumpri-la”, afirma a titular da pasta, Jayana Ribeiro.

Ela observou ainda que a administração efetuou corte de cinco dias embora a paralisação tenha provocado a suspensão das aulas por 17 dias, período correspondente a reposição a ser cumprida.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]